acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Preços

Petróleo opera de lado, estabilizando-se após forte queda de ontem

16/08/2018 | 10h22

Os contratos futuros de petróleo operam perto da estabilidade nesta quinta-feira, após perdas acentuadas da sessão anterior. Os contratos são apoiados por um sinal de reaproximação entre Estados Unidos e China, mas investidores continuam a se preocupar com o risco de que uma desaceleração em mercados emergentes, sobretudo na China, possa prejudicar a demanda.

Às 7h54 (de Brasília), o petróleo WTI para setembro caía 0,03%, a US$ 64,99 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para outubro avançava 0,16%, a US$ 70,87 o barril, na ICE. Ontem, o WTI fechou em baixa de 3,02% e o Brent, de 2,34%, em um quadro de cautela nos mercados com o quadro na Turquia e os riscos de contágio em outras nações e após uma forte alta nos estoques de petróleo dos EUA.

Além da atenção ao quadro turco, as tensões comerciais entre americanos e chineses têm contribuído para a pressão de baixa recente no petróleo. A commodity, porém, foi apoiada nas últimas horas pela notícia de que as duas potências irão realizar negociações no setor comercial ainda neste mês.

No câmbio, o dólar um pouco mais fraco em geral ajuda a apoiar o petróleo, já que nesse caso a commodity, cotada na moeda, fica mais barata para os detentores de outras divisas.



Fonte: Dow Jones Newswires, 16/08/2018
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar