acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biogás

No Paraná, estudos sobre uso do biogás como combustível serão ampliados

13/06/2019 | 09h27

O governador Carlos Massa Ratinho Junior conheceu nesta quarta-feira (12), em Foz do Iguaçu, o projeto de uso de biogás para abastecimento da frota de carros da Itaipu Binacional. A planta, inaugurada em junho de 2017, é uma parceria entre a hidrelétrica, o Parque Tecnológico Itaipu (PTI), e o Centro Internacional de Energias Renováveis – Biogás (CIBiogás), associação que reúne 27 instituições que desenvolvem e apoiam projetos relacionados às energias renováveis.

O governador avalia que a proposta do uso de biogás como combustível pode ser incorporada pelos órgãos da administração e pediu estudos da Sanepar e Compagas para oferecer aos paranaenses modelos mais sustentáveis de consumo, principalmente em cidades menores. O Paraná é o único Estado a ter um centro dedicado a essa pesquisa de arranjos e soluções, e tem diversidade de plantas com resíduos de cana, suínos, aves, cadeia do boi, fecularias e esgoto.

Ratinho Junior disse que a transformação pode atender o transporte público de algumas cidades. O intuito, a médio e longo prazos, é baratear a passagem e os sistemas municipais. De acordo com a CIBiogás, enquanto a equação do combustível etanol sai R$ 0,40 por quilômetro rodado, com biometano esse valor cai para R$ 0,24. O Estado também tem potencial para ser um grande indutor de tecnologia nessa indústria de transformação, capaz de gerar empregos em larga escala.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar