acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
PD&I

ENGIE Brasil premia empreendedores

07/06/2016 | 11h56

A ENGIE Brasil realizou, na manhã desta segunda (06/06), o ENGIE Brasil Innovation Day 2016 – um evento aberto ao público e dedicado a discutir temas primordiais para o fomento da criatividade empreendedora no país. Executivos dos setores público e privado, empreendedores e especialistas abordaram, a partir de diferentes pontos de vista, questões relativas à tecnologia e aos negócios. Além de promover o debate, a ENGIE premiou cinco projetos inovadores.

Na segunda edição do evento, realizada no Museu do Amanhã (Zona Portuária do Rio), local símbolo de inovação no Rio, levantou-se a necessidade de as empresas se renovarem, buscarem soluções criativas fora do mundo corporativo, com foco nas atuais necessidades da sociedade.

Logo na abertura, o CEO da ENGIE no Brasil, Maurício Bähr, anunciou que a empresa fornecerá a partir de novembro energia renovável para o VLT Rio, novo veículo leve sobre trilhos, inaugurado ontem no Centro da cidade. O contrato terá duração de aproximadamente quatro a cinco anos e deve ser fechado nas próximas semanas.

O negócio está alinhado à atual estratégia global do grupo. “A nossa ambição é ser, dentro dos próximos cinco anos, o líder mundial da transição energética e das soluções descentralizadas para as cidades e pessoas, através do oferecimento de soluções que vão desde a produção descentralizada de energia até a mobilidade urbana, segurança, iluminação, entre outros, e este evento é uma oportunidade para debatermos a respeito destas soluções e conhecermos novos projetos nestas áreas”, conclui Bähr.

Participaram do debate Décio da Silva, Presidente do Conselho de Administração da WEG; Albert Melo, Diretor-geral do Cepel; Fernando C. Rieche, gerente do Departamento de Investimento em Fundos da Área de Renda Variável do BNDES; Rafael Clemente, Sócio e fundador da Elo Group; e Carlos Gothe, Head da área de Novos Negócios da ENGIE Brasil. A sessão foi moderada pelo pesquisador, apresentador e acadêmico Ronaldo Lemos.

Ao final do painel, foi entregue o Prêmio ENGIE Brasil de Inovação 2016 aos cinco projetos vencedores nas categorias de Green Mobility e Smart City; Energia Descentralizada; Smart Grids e Inclusão Social através da eficiência energética ou acesso a energia.

Eles serão incluídos nos programas de P&D da empresa e na área de novos negócios da ENGIE Brasil. Seus autores também ganharam uma ida a Paris para participar do evento mundial de inovação do Grupo, o ENGIE Innovation Week, que acontece esta semana na cidade.

Os projetos vencedores têm forte cunho social e foram escolhidos por seu caráter inovador e sua qualidade técnica. São eles: Máquina de Gelo Solar (equipamento que permite a produção de gelo a partira da energia fotovoltaica); Sistema de tratamento de água autossustentável (tratamento físico-químico e microbiológico da água, por meio de um sistema de energia renovável); Smart Favela (aplicativo para o desenvolvimento de um urbanismo colaborativo) ; Soluz Energia (trocador de calor de baixo custo que se acopla ao painel fotovoltaico) e i9Hibrido (sistema de comunicação de dados que faz uso simultâneo da rede de energia elétrica e do ar – wireless).

Sobre a ENGIE

A ENGIE é a empresa líder em produção de energia e desenvolve suas atividades (eletricidade, gás natural e serviços) em torno de um modelo baseado em crescimento responsável a fim de enfrentar os grandes desafios da transição energética para uma economia de baixo carbono: acesso a energia renovável, adaptação às mudanças climáticas, segurança de abastecimento e uso racional dos recursos naturais. O Grupo fornece soluções altamente eficientes e inovadoras para pessoas, cidades e empresas através de fontes diversificadas de fornecimento de gás, produção de eletricidade flexível e com baixa emissão de CO2 e conhecimento técnico em quatro setores-chave: energias renováveis, eficiência energética, gás natural liquefeito e tecnologias digitais.

Presente em mais de 70 países, a ENGIE tem como um dos seus principais objetivos ser uma parceira estratégica para cidades em todo o mundo, construindo e fornecendo soluções digitais para a transição energética, mobilidade e segurança, e contribuindo para uma gestão urbana global. O Grupo é líder em fornecimento de serviços de eficiência energética e responsável pelo gerenciamento de mais de 800.000 pontos de iluminação pública em todo mundo, pelos sistemas de segurança de mais de 60 cidades e pela redução de 30% do consumo de energia de cidades. Além disso, possui 55 redes de transporte equipadas com seus sistemas e opera mais de mil estações de recarga para carros elétricos e 228 redes de aquecimento e refrigeração em 13 países.

No Brasil, a ENGIE é, através da ENGIE Tractebel Energia, a maior produtora privada de energia elétrica no país, operando uma capacidade instalada de 8.765 MW em 28 usinas em todo o Brasil, o que representa cerca de 5% da capacidade do país. O Grupo possui 85% de sua capacidade instalada no país proveniente de fontes limpas, renováveis e com baixas emissões de gases de efeito estufa, posição que tem sido reforçada pela construção de novas eólicas no nordeste do país. Atualmente, a ENGIE está construindo uma das maiores hidrelétricas do Brasil, a hidrelétrica Jirau (3.750 MW), no rio Madeira, em Rondônia. O Grupo também oferece serviços relacionados à energia, engenharia e integração de sistemas, atuando no desenvolvimento de soluções de telecomunicações, segurança e sistemas de gerenciamento de risco, mobilidade urbana, iluminação pública, aeroportos, soluções digitais (plataforma customizada de software), segurança pública e infraestruturas críticas Contando com 3.000 colaboradores, a ENGIE teve no país em 2015 um faturamento de R$ 7 bilhões.

 

 



Fonte: Assessoria/Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar