acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Enase 2010

Enase 2010 começa hoje no Rio de Janeiro

29/09/2010 | 12h59

Hoje (29) e amanhã (30) acontece no Rio de Janeiro o 7º Encontro Nacional de Agentes do Setor Elétrico (Enase 2010), onde serão discutidos os rumos do setor  e o futuro da política energética nacional. As principais associações da classe estão presentes no evento, como Aneel, Abeeólica e ABCE.

 

Antes de começarem as palestras foi entregue a todos os presentes a Carta "Energia para o Futuro", elaborado por 11 associações e direcionado às principais candidaturas à presidência da república, que estarão representadas amanhã, por um membro do partido, PT e PSDB, e também receberão a carta para conhecimento dos candidatos.

 

O primeiro membro do setor a se apresentar no evento foi o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim, que falou sobre o planejamento e o desenvolvimento das mais diferentes fontes de energia da matriz energética brasileira. Ele lembrou que o Braslil é um caso único no mundo de país em desenvolvimento com tantas fontes de energia renovável em sua matriz, e que do potencial hidráulico disponível, só é utilizado 1/3 desse potencial.

 

Tolmasquim lembrou das alterações que projetos como as usinas hidrelétricas (UHE) de Santo Antônio e Belo Monte tiveram que sofrer para se adequar as necessidades ambientais. Além disso, o presidente da EPE mostrou-se bastante entusiasmado com a possibilidade da UHE Teles Pires ter o leilão ainda este ano. Essa usina terá uma capacidade instalada de 1820 MW. Ele definiu este ano como o "ano das renováveis", já que todas as contratações em 2010 foram de fontes limpas.

 

Em seguida, o diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) falou sobre os ciclos de revisão de tarifas e que na medida que a economia ganha robustez, as empresas emitem menos recursos administrativos nesse processo tarifário. Segundo ele, o setor passa por um processo de aprimoramento.

 

Nesta manhã do primeiro dia do evento também falaram o diretor de Administração dos Serviçoes de Transmissão do Operador Nacional de Sistema (ONS), Roberto Gomes e o presidente do Conselho de de Administração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). 



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar