acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Eletrobrás anuncia construção de duas subestações em Teresina

30/09/2010 | 10h02
Teresina vai ganhar mais duas subestações de energia elétrica que poderão atender pelo menos 100 mil unidades habitacionais e comerciais. O anúncio foi feito na manhã de ontem durante a assinatura dos contratos referentes às obras, que estão orçadas em R$ 36 milhões.


O total de investimentos anunciados chega a R$ 60 milhões, pois compreende ainda a construção de novas linhas de transmissão. “Os investimentos são necessários para suportar o crescimento. O Piauí apresentou um crescimento de 20% no faturamento, um dos maiores do país, onde 940 mil consumidores são atendidos”, destacou o presidente da Eletrobras Distribuição Piauí, Pedro Carlos Hosken.


Em números, o faturamento obtido no Piauí chega a R$ 80 milhões. Apesar disso, Pedro Carlos diz que 34% da energia produzida por aqui não chega a ser faturada pela empresa. Ele destaca que os investimentos no setor vão permitir a melhoria do fornecimento.


“Em um ano foram trocados 253 mil medidores. Destes, 100 mil são de novos consumidores. Ainda temos sete mil consumidores sem medição no Estado”, afirmou. O presidente diz que a empresa está tentando conter as perdas, seja através do combate à inadimplência ou através da regularização na distribuição de energia elétrica.


A implantação das duas subestações representa um incremento de pelo menos 100 megawatts na produção de energia do Estado. “Com isso poderemos atender um total de unidades referente a 50% do que já atendemos atualmente. A intenção é também aumentar nossas reservas. Entre os projetos, ainda está prevista a instalação de uma subestação no distrito industrial Sul”, destaca o assistente da diretoria de Planejamento e Expansão da Eletrobrás Piauí, Luiz Carlos.


As subestações serão con-truídas no bairro Renascença, na região do grande Dirceu, e no bairro Pedra Mole, na zona Norte. Serão gastos R$ 5,2 milhões na execução de obras civis e montagem eletromecânica das subestações, denominadas Renascença e Poty.


A primeira vai aliviar as cargas da sub-estação Jockey, que atende à zona Leste da capital. Uma linha de transmissão será construída para interligá-la a subes-tação da Eletrobras Chesf, na Tabuleta. Para a subestação Poty, o investimento fica em torno de R$ 15,9 milhões, incluindo a construção da linha de transmissão interligando as subestações Poty e Satélite.


Moradores dos bairros Mocambinho, Santa Maria da Codipi, Pedra Mole, Socopo e Buenos Aires estão entre os beneficiados com a obra. Atualmente Teresina conta com seis subestações, sendo quatro da Eletrobras Distribuição Piauí (Marquês, Jockey, Macaúba e Satélite) e duas da Chesf, sendo uma na Tabuleta e outra na BR-316, próximo à cidade de Demerval Lobão.


Fonte: Diário do Povo
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar