acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Sétima Rodada

ANP realiza seminários jurídico e técnico sobre a licitação

09/05/2005 | 00h00

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realiza os seminários Jurídico-Fiscal e Técnico Sétima Rodada de Licitações na próxima semana, entre os dias 16 e 18 de maio. 
O Seminário Jurídico-Fiscal, que será realizado nos dias 16 e 17 de maio, é voltado para dirigentes de empresas, consultores, advogados, técnicos e investidores interessados na Sétima Rodada. Durante o encontro, será apresentado um balanço das atividades de exploração e produção de petróleo e gás natural no Brasil. Aspectos jurídicos, fiscais, ambientais e de infra-estrutura para o exercício das atividades ligadas à indústria petrolífera no país também serão abordados.
O Seminário Técnico, apresentado nos dias 17 e 18 de maio, representa uma oportunidade para as empresas conhecerem estudos recentes contratados pela ANP sobre os sistemas petrolíferos de bacias sedimentares. Serão apresentados os estudos da Universidade Estadual Paulista (UNESP) sobre Santos e Campos, os da Coppe-UFRJ sobre  Jequitinhonha e Camamu-Almada, e os da Universidade Federal do Rio Grande do  Norte (UFRN) sobre Sergipe-Alagoas. Também serão apresentados estudos de aquisição e reprocessamento de dados de empresas autorizadas pela ANP.
As palestras abordarão todos os setores de blocos incluídos na Sétima Rodada. São 1.134 blocos exploratórios e 17 áreas com acumulações marginais inativas. Os blocos exploratórios estão situados nas bacias do Espírito Santo, Potiguar, Recôncavo, Sergipe-Alagoas, São Francisco, Solimões, Foz do Amazonas, Pará-Maranhão,  Barreirinhas, Camamu-Almada, Jequitinhonha, Campos, Santos e Pelotas. As áreas com  acumulações marginais estão situadas nos estados da Bahia e Sergipe.
Segundo nota da ANP, a Sétima Rodada de Licitações, marcada para outubro de 2005, dará ênfase à exploração de áreas com potencial para gás natural e a áreas com acumulações marginais inativas. Serão oferecidas oportunidades para empresas de todos os portes e perfis, das pequenas empresas brasileiras, às médias e grandes, brasileiras e internacionais, em bacias maduras  terrestres, águas profundas e em áreas de novas fronteiras exploratórias.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar