acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
MME

De olho na Cessão Onerosa, MME realiza encontro com investidores

22/02/2019 | 18h27
De olho na Cessão Onerosa, MME realiza encontro com investidores
Saulo Cruz/MME Saulo Cruz/MME

Um grupo de mais de trinta especialistas de mercado de capitais, representantes de bancos e agências de investimentos tiveram no último dia, 20, a oportunidade de conhecer a agenda de trabalho do Ministério de Minas e Energia e esclarecer pontos relevantes das atividades previstas pelos vários setores da Pasta. O encontro de mais de duas horas de duração foi coordenado pela secretária-executiva do MME, Marisete Pereira, e contou com a participação de todos os demais secretários – Reive Barros, do Planejamento, Márcio Félix, de Petróleo, Gás e Biocombustíveis, Alexandre Vidigal, Geologia, Mineração e Transformação Mineral, e Ricardo Cyrino, de Energia Elétrica.

Ao final do encontro, os especialistas conversaram com o Ministro Bento Albuquerque sobre as expectativas em torno da agenda robusta de trabalho do MME. Albuquerque destacou que está trabalhando para melhorar a governança das atividades que dizem respeito ao setor, tarefa que está sendo facilitada, segundo disse, “porque encontrou um Ministério tecnicamente bem estruturado e organizado”.

Institucional

O Ministro explicou aos investidores que já teve reuniões de trabalho com todas as empresas e instituições que atuam sob o Ministério, bem como todas as associações e entidades representativas dos setores de energia, e que a programação desenvolvida pela equipe poderá ser acompanhada por todos – sociedade, investidores e associações setoriais – periodicamente.

“A nossa principal bandeira junto aos investidores é a previsibilidade; queremos que isso seja sentido pelos investidores e pela sociedade brasileira. As normas, quando forem aperfeiçoadas, terão a garantia de respeito aos contratos – como pode ser percebido na condução da questão da cessão onerosa”, reforçou.



Fonte: Redação/Assessoria MME
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar