Internacional

Brasil pretende atrair investimentos durante Fórum Econômico Mundial

Com foco nos impactos da pandemia e a invasão russa na Ucrânia, o evento começa nesta segunda, dia, 23, e vai até 26 de maio

Redação TN Petróleo, Agência Brasil
23/05/2022 17:11
Brasil pretende atrair investimentos durante Fórum Econômico Mundial Imagem: Divulgação Visualizações: 215

Pela primeira vez, desde o início da pandemia de Covid-19, o Fórum Econômico Mundial reúne presencialmente em Davos, na Suíça, chefes de Estados, ministros, empresários e formuladores de políticas públicas, para discutir os desafios enfrentados pela economia global.

Com foco nos impactos da pandemia e a invasão russa na Ucrânia, o evento começa nesta segunda, dia, 23, e vai até 26 de maio. O Brasil será representado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

Na noite desta segunda-feira (23), Guedes tem um encontro bilateral com o co-presidente da empresa General Atlantic, Martín Escobari, e, em seguida, participa de um jantar promovido pelo BTG Pactual.

Segundo o Ministério da Economia, Guedes deve realizar reuniões para tratar de crescimento sustentável e de parcerias econômicas com a Ásia e o Pacífico, e na América Latina.

Nesta edição, o Brasil, está entre as nações que terão painéis de discussão exclusivos, junto com Indonésia, Arábia Saudita e União Europeia.

Durante o Fórum Econômico Mundial, o governo brasileiro pretende atrair investimentos estrangeiros e destacar experiências nas áreas de segurança energética e alimentar.

Mais Lidas De Hoje
Veja Também
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

10