acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biocombustíveis

Brasil apoiará produção em Angola

23/10/2009 | 15h30
O modelo brasileiro de energias renováveis será apresentado ao governo angolano, informou hoje o Ministério da Agricultura, em nota distribuída à imprensa. A missão do Brasil, que está na África para uma série de seminários sobre biocombustíveis, chega hoje a Luanda, em Angola, país que receberá subsídios para o desenvolvimento do setor.


"Além de participar da execução e gestão do projeto, o Brasil contribuirá com transferência de tecnologia, uma vez que o País possui décadas de experiência na produção de biocombustíveis", afirma na nota o representante do Ministério da Agricultura na missão, José Nilton de Souza. O texto diz que as condições climáticas e a localização geográfica de Angola favorecem o escoamento da produção para a União Europeia.


Atualmente, Angola não integra o grupo de países produtores de biocombustíveis. "Com o objetivo de reverter esse quadro, o governo angolano estuda a aprovação de uma lei para promover o desenvolvimento do setor, que prevê a ocupação de 30 mil hectares para o cultivo de cana-de-açúcar e o investimento de US$ 258 milhões", diz o comunicado.


Recentemente, segundo a nota, foi lançado um projeto para a construção de usina voltada para a produção de etanol, açúcar e bioeletricidade. Até 2012, data prevista para conclusão das obras, foi estipulada como meta de produtividade a geração de 30 milhões de litros de etanol e 250 mil toneladas de açúcar. Inicialmente, explica o comunicado, a produção será direcionada ao abastecimento do mercado interno, porém a perspectiva é de que haja excedentes para exportação em médio prazo.


Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar