acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Produtos e Serviços

Apolo Tubulars assina acordo com as empresas Japonesas JFE e Metal One e lança as conexões premium e semi-premium

03/11/2016 | 09h01

A Apolo Tubulars, dando prosseguimento à sua política de parcerias e busca de novas tecnologias, acaba de assinar acordos de licenciamento para fabricação e comercialização de conexões premium com selo metal-metal e semi-premium com as empresas Japonesas JFE e Metal One, respectivamente.

Com investimentos significativos em aquisição de novos equipamentos e adaptações de “lay out”, a planta de Lorena, SP, estará plenamente capacitada para produção destas conexões já em novembro próximo.

Empregada notadamente em poços de gás ou quando há altas pressões envolvidas, a conexão premium BEAR conta com selo metal-metal, podendo ser usinada tanto em tubos de produção (2 3/8” a 4 ½”) quanto de revestimento (4 ½” a 9 5/8”) e, além de larga aplicação em várias regiões do mundo, já está homologada pela Petrobras. Esta conexão poderá ainda ser aplicada nos diferentes graus de aço fabricados pela Apolo, inclusive no L-80 Cr 1%, recentemente desenvolvido e já também homologado pela Petrobras.

A conexão semi-premium Geoconn, por sua vez, pode ser usinada apenas em tubos de revestimento e é perfeitamente intercambiável com a conexão BTC (“Buttress”), além de ter condições comerciais semelhantes a esta. Apresenta, ainda, algumas vantagens com relação à BTC, tais como, possui maior resistência a altos valores de torque, permite maior número de torques / “destorques”, é adequada para perfuração de poços com colunas de revestimento (“casing drilling”) e tem melhor desempenho em poços geotermais e de injeção de vapor.

A Apolo Tubulars é uma empresa brasileira, focada na produção de tubos de aço de alta qualidade, soldados por indução de alta frequência (HFIW), para a indústria de petróleo e gás e outros segmentos do setor de energia.

Atualmente, a planta industrial tem capacidade instalada para produzir 120 mil toneladas de tubos ao ano, voltados aos mercados de produção e exploração (OCTG), tubos de condução (Line Pipe), tubos estruturais e industriais.

A Apolo Tubulars acredita na retomada das atividades econômicas no Brasil e mantem-se preparada para enfrentar os desafios tecnológicos.

 



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar