acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Voith expande capacidade no Brasil

14/11/2013 | 08h48
Voith expande capacidade no Brasil
Divulgação Divulgação

 

Voith expande capacidade no Brasil: linha de produção para variadores de velocidade é inaugurada em São Paulo
 
A Voith Turbo acaba de inaugurar uma nova linha de produção em São Paulo, para fabricar variadores de velocidade do tipo Vorecon. Esses equipamentos são usados para controlar a velocidade dos compressores elétricos usados nos processos de extração de petróleo offshore.
 
Por 14 meses, mais de 15 fornecedores-chave e cerca de 100 colaboradores de diferentes empresas estiveram envolvidos na construção da nova linha de produção, que tem 1.000 m² de área e na qual foi utilizado um total de 200 toneladas de concreto e aço. A previsão é que a produção de Vorecons aumente postos de trabalho na fábrica.
 
A produção local de Vorecons será destinada, principalmente, para projetos envolvendo a exploração do pré-sal. Com um investimento total de R$ 11 milhões, a nova linha foi construída na mesma área que já abriga a fábrica da Voith Turbo, situada no bairro do Jaguará, zona Norte da capital paulista. Os variadores de velocidade terão como principal cliente final a Petrobras, que especificou o equipamento para todos os compressores das FPSOs (Floating Production Storage and Offloading – Unidades Flutuantes de Produção, Armazenamento e Transferência).
 
De acordo com Ralf Dreckmann, vice-presidente executivo da Voith Turbo na América do Sul, a companhia já assinou dois contratos envolvendo projetos do pré-sal. "O primeiro, firmado em 2012, inclui 60 Vorecons para oito plataformas. Cerca de 40% dos produtos já foi entregue. Este ano, nós recebemos um novo pedido para outros 28 variadores de velocidade para quatro FPSOs do campo de Cessão Onerosa. Com a nova linha de produção, os Vorecons serão fornecidos diretamente pela Voith no Brasil, permitindo-nos atender a legislação local de conteúdo local”.
 
Para a exploração do pré-sal, a Petrobras desenvolveu um processo no qual uma mistura de óleo, gás e água é transferida para a superfície a partir de campos de petróleo, onde os três componentes são então separados por processos especiais. O óleo bruto é armazenado em navios, enquanto o gás retorna para o campo de petróleo submarino e assim é preservado para posterior utilização.
 
O gás para retorno ao campo de óleo é comprimido por compressores cuja velocidade é controlada pelo Vorecon Voith e acionado por motor elétrico. Como resultado, o gás tem uma pressão constante de até 550 bar, independente da sua densidade, que é altamente variável. Devido ao seu design compacto, robusto e sua alta confiabilidade, o Vorecon é ideal para as condições difíceis no Oceano Atlântico.
 
Com design compacto, que contribui para a economia de espaço nas plataformas, e robusto, fundamental para as condições difíceis do Oceano Atlântico, o Vorecon oferece alta confiabilidade. Isso porque seu tempo médio entre falhas é de 48 anos, número mais de três vezes superior à média dos equipamentos similares. Outro diferencial do produto é que, graças ao princípio hidrodinâmico de transmissão de potência, proporciona elevada eficiência energética.

A Voith Turbo acaba de inaugurar uma nova linha de produção em São Paulo, para fabricar variadores de velocidade do tipo Vorecon. Esses equipamentos são usados para controlar a velocidade dos compressores elétricos usados nos processos de extração de petróleo offshore.

Por 14 meses, mais de 15 fornecedores-chave e cerca de 100 colaboradores de diferentes empresas estiveram envolvidos na construção da nova linha de produção, que tem 1.000 m² de área e na qual foi utilizado um total de 200 toneladas de concreto e aço. A previsão é que a produção de Vorecons aumente postos de trabalho na fábrica.

A produção local de Vorecons será destinada, principalmente, para projetos envolvendo a exploração do pré-sal. Com um investimento total de R$ 11 milhões, a nova linha foi construída na mesma área que já abriga a fábrica da Voith Turbo, situada no bairro do Jaguará, zona Norte da capital paulista. Os variadores de velocidade terão como principal cliente final a Petrobras, que especificou o equipamento para todos os compressores das FPSOs (Floating Production Storage and Offloading – Unidades Flutuantes de Produção, Armazenamento e Transferência).

De acordo com Ralf Dreckmann, vice-presidente executivo da Voith Turbo na América do Sul, a companhia já assinou dois contratos envolvendo projetos do pré-sal. "O primeiro, firmado em 2012, inclui 60 Vorecons para oito plataformas. Cerca de 40% dos produtos já foi entregue. Este ano, nós recebemos um novo pedido para outros 28 variadores de velocidade para quatro FPSOs do campo de Cessão Onerosa. Com a nova linha de produção, os Vorecons serão fornecidos diretamente pela Voith no Brasil, permitindo-nos atender a legislação local de conteúdo local”.

Para a exploração do pré-sal, a Petrobras desenvolveu um processo no qual uma mistura de óleo, gás e água é transferida para a superfície a partir de campos de petróleo, onde os três componentes são então separados por processos especiais. O óleo bruto é armazenado em navios, enquanto o gás retorna para o campo de petróleo submarino e assim é preservado para posterior utilização.

O gás para retorno ao campo de óleo é comprimido por compressores cuja velocidade é controlada pelo Vorecon Voith e acionado por motor elétrico. Como resultado, o gás tem uma pressão constante de até 550 bar, independente da sua densidade, que é altamente variável. Devido ao seu design compacto, robusto e sua alta confiabilidade, o Vorecon é ideal para as condições difíceis no Oceano Atlântico.

Com design compacto, que contribui para a economia de espaço nas plataformas, e robusto, fundamental para as condições difíceis do Oceano Atlântico, o Vorecon oferece alta confiabilidade. Isso porque seu tempo médio entre falhas é de 48 anos, número mais de três vezes superior à média dos equipamentos similares. Outro diferencial do produto é que, graças ao princípio hidrodinâmico de transmissão de potência, proporciona elevada eficiência energética.



Fonte: Redação TN/ Ascom Voith Turbo
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar