acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Infraestrutura

Unimontes inicia obras do Centro Tecnológico

09/01/2014 | 10h08

 

A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), com o apoio do Governo de Minas, vai implantar o Centro Tecnológico para atender as demandas dos cursos de Engenharia e o desenvolvimento de novos projetos de pesquisa no âmbito da instituição. Nesta terça-feira (7), para marcar oficialmente o início das obras, o reitor João dos Reis Canela visitou o terreno onde o prédio será erguido, ao lado do Centro Esportivo Universitário João Valle Maurício, no Campus Universitário Darcy Ribeiro.
Com três pavimentos, o Centro Tecnológico terá 1.934 metros quadrados de área construída. A obra está orçada em R$ 4,8 milhões, sendo que R$ 2,7 milhões estão assegurados – R$ 1,2 milhão liberados pelo Governo do Estado para as obras físicas e outros R$ 1,5 milhão da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) para equipamentos dos laboratórios e complementação das obras físicas.
O reitor João Canela destaca o apoio do Governo de Minas para viabilizar o Centro Tecnológico. “Esse empreendimento será a semente para a instalação do Parque Tecnológico do Norte de Minas”, afirma. O reitor visitou o terreno do futuro prédio, acompanhado do pró-reitor de Planejamento, Gestão e Finanças, professor Juventino Ruas Abreu Junior, e do professor Guilherme Augusto Guimarães. Também esteve presente o engenheiro Simão Campos, da empresa vencedora da licitação para a construção do Centro Tecnológico.
Cinco laboratórios
Conforme explica o professor Guilherme Augusto Guimarães, coordenador do curso de Engenharia, com os recursos de R$ 1,2 milhão liberados pelo Governo de Minas serão executadas as obras do primeiro pavimento (644 m²), que terá cinco laboratórios: de Saneamento, Solos e Materiais de Construção, Transporte, Hidráulica e de Estruturas. Com a verba de R$ 1,5 milhão já assegurada pela Fapemig serão adquiridos os equipamentos para estes cinco laboratórios e, ainda, para a construção do segundo pavimento.
“A perspectiva é que, dentro de seis meses, os laboratórios já estejam funcionando”, anuncia Guilherme Guimarães. O professor ressalta que, além da melhoria das atividades para os acadêmicos do curso de Engenharia Civil, os laboratórios vão atender as demandas de outras áreas da universidade, como o curso de Engenharia de Sistemas, possibilitando, também, a realização de pesquisas e o desenvolvimento de novas tecnologias. A previsão é que, ao final, quando estiver totalmente concluído, o Centro Tecnológico venha contar com 15 laboratórios.

A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), com o apoio do Governo de Minas, vai implantar o Centro Tecnológico para atender as demandas dos cursos de Engenharia e o desenvolvimento de novos projetos de pesquisa no âmbito da instituição. Nesta terça-feira (7), para marcar oficialmente o início das obras, o reitor João dos Reis Canela visitou o terreno onde o prédio será erguido, ao lado do Centro Esportivo Universitário João Valle Maurício, no Campus Universitário Darcy Ribeiro.

Com três pavimentos, o Centro Tecnológico terá 1.934 metros quadrados de área construída. A obra está orçada em R$ 4,8 milhões, sendo que R$ 2,7 milhões estão assegurados – R$ 1,2 milhão liberados pelo Governo do Estado para as obras físicas e outros R$ 1,5 milhão da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig) para equipamentos dos laboratórios e complementação das obras físicas.

O reitor João Canela destaca o apoio do Governo de Minas para viabilizar o Centro Tecnológico. “Esse empreendimento será a semente para a instalação do Parque Tecnológico do Norte de Minas”, afirma. O reitor visitou o terreno do futuro prédio, acompanhado do pró-reitor de Planejamento, Gestão e Finanças, professor Juventino Ruas Abreu Junior, e do professor Guilherme Augusto Guimarães. Também esteve presente o engenheiro Simão Campos, da empresa vencedora da licitação para a construção do Centro Tecnológico.


Cinco laboratórios

Conforme explica o professor Guilherme Augusto Guimarães, coordenador do curso de Engenharia, com os recursos de R$ 1,2 milhão liberados pelo Governo de Minas serão executadas as obras do primeiro pavimento (644 m²), que terá cinco laboratórios: de Saneamento, Solos e Materiais de Construção, Transporte, Hidráulica e de Estruturas. Com a verba de R$ 1,5 milhão já assegurada pela Fapemig serão adquiridos os equipamentos para estes cinco laboratórios e, ainda, para a construção do segundo pavimento.

“A perspectiva é que, dentro de seis meses, os laboratórios já estejam funcionando”, anuncia Guilherme Guimarães. O professor ressalta que, além da melhoria das atividades para os acadêmicos do curso de Engenharia Civil, os laboratórios vão atender as demandas de outras áreas da universidade, como o curso de Engenharia de Sistemas, possibilitando, também, a realização de pesquisas e o desenvolvimento de novas tecnologias. A previsão é que, ao final, quando estiver totalmente concluído, o Centro Tecnológico venha contar com 15 laboratórios.

 



Fonte: Governo de Minas Gerais
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar