acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia solar

Trem turístico para 240 passageiros será movido a energia solar entre Argentina e Peru

14/05/2019 | 12h12

Para os amantes de mochila nas costas e uma boa viagem abastecida com paisagens exuberantes, a notícia não poderia ser melhor. 

Será inaugurado o primeiro trem turístico da América Latina movido a energia solar.

As montanhas entre Jujuy, no noroeste da Argentina, até Cusco no Peru, poderão ser admiradas e sem emissão de poluentes pelo caminho.

Isso por que a tecnologia que transforma a energia dos raios solares em energia elétrica vai operar no teto dos vagões do trem em meados de agosto de 2019, segundo o governo da região.

A geração de energia fotovoltaica é o futuro não só para preservação do meio ambiente, mas para atender à demanda de consumo energético em empresas, residências e carros.

A primeira fase da operação do trem movido a energia solar vai ter um investimento de 9 milhões de dólares.

Pablo Rodríguez Mesina, um dos coordenadores do projeto, já disse que "este é um grande desafio, por que estamos desenvolvendo uma tecnologia nova para o transporte ferroviário do futuro".

Aqui no Brasil o futuro já está acontecendo quando o assunto é energia solar residencial!

Utilizando os chamados sistemas fotovoltaicos On-Grid, esses consumidores conseguem gerar toda a energia que consomem.

E, assim, obtém uma redução de até 95% no valor de sua conta de luz, além de ficarem imunes a sua inflação.

De forma simples, o funcionamento desses sistemas começa com as famosas placas solares, que captam a luz do sol e a convertem em energia elétrica dentro de suas células através do chamado efeito fotovoltaico.

É um dos setores que mais crescem no Brasil e cada vez mais ganham adeptos que querem reduzir em até 95% da conta de luz dentro de suas casas.

E para quem acha que é um investimento inacessível, fica a dica de ouro:

O custo da energia solar nunca esteve tão baixo e você ainda pode se beneficiar de financiamentos que chegam a até 100% da compra de equipamentos, instalação e mão de obra.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar