acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Rio Pipeline 2019

Tenaris participa do encerramento da Rio Pipeline 2019

09/09/2019 | 18h14

O diretor comercial da Tenaris, Idarilho Nascimento, participou da última plenária da Rio Pipeline 2019, evento que reuniu na última semana 3.800 participantes de 22 países para compartilhar as novas tecnologias e debater sobre melhoria da eficiência, qualidade e segurança no transporte de dutos. No painel “Desafios e oportunidades para o mercado brasileiro de dutos” foram apresentados dois estudos inéditos: o Plano Indicativo de Gasodutos de Transportes, pela Empresa de Pesquisas Energéticas (EPE), e Priorização de investimentos em infraestrutura de transporte de combustíveis, do Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP).

Advertisement

Publicidade

Durante a plenária, executivos discutiram o momento de transição mais relevante do setor desde a Lei do Petróleo, de 1997, e o que esperam com o desinvestimento da Petrobrás e a entrada de mais atores e empresas no mercado. Idarilho comentou, a partir do ponto de vista de fornecedor, sobre as novas oportunidades. “A indústria brasileira de dutos se encontra no topo em tecnologia e está muito bem preparada para atender projetos de alta complexidade. Temos vasto portfólio de projetos nacionais e no exterior que comprovam nossas entregas, competitividade e interesse de participar do desenvolvimento da indústria nacional de óleo e gás”, destacou.

Além da presença de Idarilho no último painel, a Tenaris participou da 12ª edição do evento como patrocinadora ouro, oferecendo o coquetel de confraternização e apresentando quatro trabalhos técnicos. Entre seus principais projetos recentes está o Zohr, maior descoberta de gás natural no Mediterrâneo, com 850 bilhões de m³ de recursos potenciais de gás no mar do Egito. A empresa entregou 316 mil toneladas de tubos fabricados entre 2017 e 2018 em sua planta em Pindamonhangaba (SP), o maior projeto offshore de sua história.

O próximo desafio internacional é o projeto Alen Gas Monetization, de exploração de gás natural na Guiné Equatorial, com a produção de 20 mil toneladas de tubos com revestimento de concreto para a Noble Energy – empresa independente de exploração e produção de petróleo e gás natural dos EUA. Os tubos fornecidos pela Tenaris também serão produzidos na fábrica de Pindamonhagaba.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar