acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Siemens fornece nove transformadores para Furnas

16/12/2013 | 16h31

 

A Siemens fornecerá para Furnas Centrais Elétricas, subsidiária da Eletrobras, nove transformadores de 200 MVA cada para a subestação de Grajaú, localizada no bairro de mesmo nome, zona Norte da capital fluminense. A subestação é extremamente estratégica para o fornecimento de energia para a cidade do Rio de Janeiro, pois abastece regiões que abrigarão a maioria dos próximos grandes eventos no Brasil, como a Copa do Mundo em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016.
Os equipamentos devem ser instalados no primeiro semestre de 2014 e serão responsáveis pelo fornecimento de 1800 MVA, ou seja, 75% da energia da subestação. “Contribuir com o fornecimento de energia elétrica para a cidade do Rio de Janeiro nesse momento tão importante, de eventos internacionais, reforça o compromisso da Siemens com o desenvolvimento de soluções eficientes para o setor elétrico nacional”, afirma Vinícius Henrique da Silva, engenheiro de vendas da Siemens Brasil.
Os transformadores monofásicos são fabricados no complexo industrial da companhia em Jundiaí (SP) e projetados de acordo com requerimentos específicos da subestação de Grajaú, tais como tensão, potência, condições ambientais, topografia do sistema e nível de ruído. Todo esse planejamento prévio possibilita à Siemens elaborar soluções customizadas e eficientes a cada pedido.
A tecnologia empregada na fabricação de transformadores faz parte do Portfólio de Ambiental/Energético da Siemens. No exercício fiscal de 2012, a receita proveniente desses produtos atingiu cerca de €33 bilhões, consolidando a companhia como uma das maiores fornecedoras mundiais de tecnologias verdes.

A Siemens fornecerá para Furnas Centrais Elétricas, subsidiária da Eletrobras, nove transformadores de 200 MVA cada para a subestação de Grajaú, localizada no bairro de mesmo nome, zona Norte da capital fluminense. A subestação é extremamente estratégica para o fornecimento de energia para a cidade do Rio de Janeiro, pois abastece regiões que abrigarão a maioria dos próximos grandes eventos no Brasil, como a Copa do Mundo em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016.

Os equipamentos devem ser instalados no primeiro semestre de 2014 e serão responsáveis pelo fornecimento de 1800 MVA, ou seja, 75% da energia da subestação. “Contribuir com o fornecimento de energia elétrica para a cidade do Rio de Janeiro nesse momento tão importante, de eventos internacionais, reforça o compromisso da Siemens com o desenvolvimento de soluções eficientes para o setor elétrico nacional”, afirma Vinícius Henrique da Silva, engenheiro de vendas da Siemens Brasil.

Os transformadores monofásicos são fabricados no complexo industrial da companhia em Jundiaí (SP) e projetados de acordo com requerimentos específicos da subestação de Grajaú, tais como tensão, potência, condições ambientais, topografia do sistema e nível de ruído. Todo esse planejamento prévio possibilita à Siemens elaborar soluções customizadas e eficientes a cada pedido.

A tecnologia empregada na fabricação de transformadores faz parte do Portfólio de Ambiental/Energético da Siemens. No exercício fiscal de 2012, a receita proveniente desses produtos atingiu cerca de €33 bilhões, consolidando a companhia como uma das maiores fornecedoras mundiais de tecnologias verdes.

 



Fonte: Ascom Siemens
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar