OTC 2024

Revitalização de Marlim (BC) vai acrescentar 860 milhões de barris de óleo equivalente

A revitalização irá aumentar a vida útil do campo em 23 anos, o projeto reduz em 55% as emissões de gases de efeito estufa. OTC Houston 2024

Redação TN Petróleo, Agência Petrobras
08/05/2024 16:00
Revitalização de Marlim (BC) vai acrescentar 860 milhões de barris de óleo equivalente Imagem: Gustavo Galbatto/Agência Petrobras Visualizações: 283 (0) (0) (0) (0)

A Petrobras estima produzir um volume acumulado adicional de 860 milhões barris de óleo equivalente no campo de Marlim, na Bacia de Campos, como resultado do projeto de revitalização do campo. O número considera o volume total de petróleo a ser produzido até 2048, ano previsto para final do prazo de concessão. Antes da revitalização, a expectativa era de que a produção de Marlim se encerrasse em 2025 com a devolução do campo. O projeto de revitalização, que substituiu nove plataformas por dois FPSOs (unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência), reduzirá em 55% as emissões de gases de efeito estufa, quando comparadas ao pico previsto nas antigas unidades.
 
Em volumes diários, a revitalização de Marlim com suas duas plataformas, FPSO Anna Nery e Anita Garibaldi, estima adicionar ao menos 115 mil bpd à produção da Bacia de Campos, nos próximos anos.
 
“Ainda há um relevante volume de petróleo a ser produzido em Marlim. Estendemos a vida útil do campo em 23 anos e queremos alcançar com o projeto a produção acumulada adicional de mais de 860 milhões de barris de óleo equivalente nesse campo”, disse Mariana Cavassin, gerente executiva de Projetos de Desenvolvimento da Produção da Petrobras. A executiva apresentou os avanços da Petrobras na revitalização de campos maduros em painel realizado nesta segunda-feira (6/5), na Offshore Technology Conference (OTC), em Houston.
 
A revitalização de Marlim foi o principal projeto apresentado pela Petrobras na Conferência e o responsável pela conquista do Distinguished Achievement Award, premiação concedida pela OTC para projetos que oferecem contribuições tecnológicas inovadoras para a indústria offshore mundial.
 
Bacia de Campos renovada
Até 2028, a Petrobras vai investir US$ 22 bilhões de reais na revitalização da Bacia de Campos e instalar, entre 2025 e 2028, três novas plataformas de produção, nos campos de Albacora, Barracuda-Caratinga e Jubarte, a primeira das três a entrar em operação, na porção capixaba da Bacia de Campos.
 
A Bacia de Campos, onde as primeiras descobertas ocorreram na década de 70, foi responsável por 20% dos 2,8 milhões barris de petróleo (boe) produzidos diariamente pela Petrobras em 2023. Com os projetos de revitalização, que incluem intervenções em poços já em operação, perfuração de novos poços e instalação de plataformas mais modernas, a companhia pretende aumentar o volume de petróleo extraído dos reservatórios (fator de recuperação) da Bacia de Campos e diminuir a emissão de gases de efeito estufa.
 
“Para a revitalização da Bacia de Campos utilizamos um instrumento denominado Plano Diretor, o qual indica as melhores alternativas para aumentar o fator de recuperação dos campos, através da perfuração de novos poços, sísmica 4D, extensão da vida útil dos ativos, até a substituição da infraestrutura existente nos campos”, disse Paulo Marinho, gerente executivo de Exploração e Produção em Águas Profundas, no mesmo painel.
 
O programa de revitalização da Bacia de Campos é o maior programa de recuperação de ativos maduros em águas profundas no mundo.

Histórico de premiações na OTC
Essa é a segunda vez que a Petrobras é premiada por inovações implantadas no campo de Marlim. Em 1992, a OTC premiou os avanços tecnológicos alcançados pela companhia que viabilizaram para a indústria de óleo e gás mundial o uso de sistemas de produção em águas profundas.

Em sua busca por inovações, a Petrobras foi premiada cinco vezes pela OTC e outras duas vezes na edição brasileira da conferência.

Veja abaixo quais foram os prêmios concedidos pela OTC à Petrobras:

2024 - Inovações tecnológicas em campos maduros em águas profundas, em Marlim e na Bacia de Campos
2023 - Tecnologia inédita dedicada à construção e intervenção em poços (OTC Brasil)
2020 - Inovações tecnológicas no campo de Búzios
2019 - Tecnologias desenvolvidas para desenvolver a produção do bloco de Libra (OTC Brasil)
2015 - Tecnologias para o Pré-Sal
2001 - Tecnologias de produção de óleo e gás em águas ultra-profundas, no campo de Roncador
1992 - Viabilização da produção de óleo e gás em águas profundas, com o campo de Marlim.

Mais Lidas De Hoje
veja Também
Sergipe Oil & Gas 2024
Fábio Mitidieri discute com Petrobras novas estratégias ...
23/07/24
Sergipe Oil & Gas 2024
Será inaugurado terça-feira (23/07), o gasoduto que inte...
23/07/24
Sergipe Oil & Gas 2024
Semana do Petróleo, Gás e Energia começa em Sergipe
23/07/24
Apoio Offshore
CBO assina com Equinor para operar PSV Delta Cardinal
22/07/24
Oportunidade
Subsea7 oferece diversas vagas de emprego onshore e offs...
22/07/24
Oportunidade
ICONIC desenvolve banco de talentos exclusivamente para ...
22/07/24
Fenasucro
Brasil terá 20 novas biorrefinarias de etanol de milho n...
22/07/24
Bacia de Campos
Sonda Valaris DS-17 fará a perfuração do projeto Raia no...
22/07/24
Combustíveis
No fechamento do semestre, os combustíveis mais caros fo...
22/07/24
Estudo
Coral invasor é resistente a compostos biocidas usados e...
22/07/24
Etanol
Anidro cai 0,98% após 5 semanas em alta; hidratado fecha...
22/07/24
Petroquímica
Petrobras e Braskem concluem testes de produto químico c...
19/07/24
Terminais
Vast e Vibra fecham acordo de 20 anos para movimentação ...
19/07/24
Gasodutos
SCGÁS: Primeiro semestre de 2024 é marcado por avanços n...
19/07/24
Pessoas
Cristiane Schmidt assume presidência da MSGÁS
19/07/24
Energia Elétrica
Com 5,7 GW instalados, expansão da matriz elétrica brasi...
19/07/24
Certificação
FPSO Bacalhau é primeiro no mundo a receber a notação DN...
18/07/24
Certificação
Porto do Açu Operações recebe certificação internacional...
18/07/24
Premiação
ComBio é premiada com Selo Verde de Sustentabilidade
18/07/24
Evento
Repsol Sinopec lança primeiro desafio para buscar soluçã...
18/07/24
Rio Grande do Norte
Exploração e desenvolvimento das Bacias da Margem Equato...
18/07/24
VEJA MAIS
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.