acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Repsol é eleita empresa do ano no Canadá

22/09/2010 | 14h03
A Câmara de Comercio Canadá-Espanha premiou a Repsol como Empresa do Ano no Canadá, em reconhecimento à aposta que a companhia tem realizado neste país durante os últimos anos.
 

O presidente da Repsol, Antonio Brufau recebeu o prêmio em uma cerimônia que contou com a presença do embaixador canadense, Graham Shantz, do diretor-geral de Relações Econômicas Internacionais e Assuntos Energéticos, José Eugenio Salarich e do presidente da Câmara de Comércio Canadá-Espanha, Alberto Echarri.
 

Durante sua participação, Antonio Brufau mostrou sua satisfação por receber o prêmio, que coincide com o primeiro aniversário do funcionamento do principal projeto da Repsol no país norte-americano, a planta de regaseificação de Canaport LNG. Além disso, o presidente da Repsol destacou as ótimas relações existentes em todos os âmbitos entre Canadá e Espanha.
 

Por sua vez, o presidente da Câmara de Comércio Canadá-Espanha, Alberto Echarri assinalou a importância de que a Repsol, “uma das empresas espanholas mais emblemáticas e de reputação internacional, invista no Canadá, em um claro e firme reconhecimento das oportunidades que o país representa”. 
 

Repsol no Canadá
 

A Repsol opera no Canadá a planta de Canaport LNG, a única regaseificadora de GNL no país e a primeira construída nos últimos 30 anos na costa leste da América do Norte. Sua inauguração em setembro de 2009 reafirmou o compromisso da Repsol com o negócio de GNL e gás natural como fontes de energia para o presente e o futuro.  Durante 2010, foi finalizada a construção do terceiro tanque de armazenamento, que permitirá receber carregamentos de maior volume e que torna a planta a de maior capacidade de armazenamento em superfície do Canadá e do nordeste dos Estados Unidos, com 10 milhões de pés cúbicos de gás natural.
 

A companhia tem também direitos sobre três blocos de exploração situados na área offshore de Terranova e Labrador. A adjudicação destes blocos pressupôs um novo passo nos planos da Repsol de incrementar sua presença na atividade de exploração e produção de gás e petróleo em países da OCDE.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar