acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gás Natural

Pernambuco: Copergás aportará R$ 300 milhões até 2020

23/05/2016 | 15h18

A Companhia Pernambucana de Gás (Copergás) vai investir R$ 300 milhões até 2020 em iniciativas que aumentem o número de clientes residenciais e a interiorização do consumo, entre outras ações. Serão empregados inicialmente R$ 11 milhões na implantação de novos gasodutos para atender os consumidores residenciais dos bairros das Graças, Espinheiro, Parnamirim, Rosarinho, Casa Forte e Derby. As obras começam em novembro e a conclusão deve ocorrer em um ano.

Em paralelo ao anúncio de novos investimentos pela Copergás, a Agência Reguladora de Pernambuco (Arpe) divulgou os percentuais de queda no preço do gás natural (GN). A redução média é de 9,51%. Haverá uma diminuição de 8,90% para os clientes industriais; 9,54% para os donos de postos que compram o Gás Natural Veicular (GNV); 11,84% para os consumidores comerciais e 7,83% para os que usam o gás encanado nos seus apartamentos.

A queda do preço entrou em vigor, retroativamente, a 1º de maio último. Segundo o diretor de Regulação Econômica Financeira da Arpe, Hélio Lopes, serão recalculadas as faturas emitidas no período de 1º de maio até ontem, quando foram publicados no Diário Oficial os percentuais de redução. “A Copergás devolverá aos clientes a diferença do que foi cobrado a mais nesse período, incluindo os postos de gasolina. Já o consumidor que comprou o gás natural na bomba não terá ressarcimento”, explica Lopes. Na argumentação dele, esse consumidor não teve prejuízo, porque houve redução do preço. A próxima mudança no preço do gás vai ocorrer em maio de 2017.

O presidente do Sindicato dos donos de postos (Sindicombustíveis-PE), Alfredo Pinheiro Ramos, acredita “que todos os revendedores vão repassar essa redução” aos usuários do GNV assim que os postos receberem o produto com o preço mais baixo. Executivos do setor estimam que o preço do metro cúbico do GNV ficará entre R$ 2,06 e R$ 2,08 na bomba. Hoje, o preço médio é de R$ 2,20, segundo o sindicato.

O preço do gás caiu por dois motivos. Houve uma redução de 15,67% no preço do gás que a Petrobras vende à Copergás, por causa da queda do preço do petróleo e derivados no mercado internacional. A segunda razão foi uma redução de 10% nos custos da Copergás nos últimos 12 meses, gerando uma economia de R$ 6 milhões até maio último. “Decidimos repassar essa queda nas despesas ao consumidor”, diz o presidente da Copergás, Décio Padilha. A estatal vai fazer uma campanha publicitária a partir de junho para estimular o consumo do GN.

O IV Encontro das Distribuidoras de Gás Natural do Nordeste ocorreu ontem no Sheraton Paiva, no Cabo. O encontro foi aberto pelo governador Paulo Câmara (PSB), que disse que o Brasil vai precisar estar preparado na área de infraestrutura para ter um crescimento sustentável. “E o gás vai contribuir para esse desenvolvimento. Em breve, vamos chegar a Belo Jardim (no Agreste)”, diz, referindo-se ao gasoduto Caruaru-Belo Jardim que está em obras.



Fonte: JC Online - 23/05/2016
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar