acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mercado

Parceria entre Eletrobras e setor privado construirá usinas hidrelétricas no Peru

12/07/2010 | 09h15
A Eletrobras e o setor privado vão construir de quatro a seis usinas hidrelétricas, envolvendo cerca de 7 mil megawatts (MW) de energia, para atender o mercado peruano e trazer o excedente para o Brasil. Segundo o presidente da estatal, José Antônio Muniz Lopez, a iniciativa faz parte de um acordo assinado no último dia 15, em Manaus (AM), entre os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Alan Garcia, do Peru.

 

“O presidente Alan Garcia colocou à disposição do presidente Lula a proposta para a construção de 15 usinas na Cordilheira dos Andes. Inicialmente, estuda-se a construção de quatro a seis unidades com capacidade instalada de 7 mil megawats”, disse Lopez.

 

Ele informou que estão sendo feitos estudos sobre o acordo. “Escolhemos alguns projetos que totalizam algo da ordem de 7 mil megawatts (MW). Evidente que, paralelamente aos estudos técnicos e de viabilidade econômica dos projetos, tivemos que estabelecer as formas de relacionamentos entre os países, uma vez que foi um tratado assinado há 15 dias em Manaus, entre o presidente Lula e Alan Garcia”.

 

Muniz disse que o tratado é que vai ditar os termos legais para que se possa desenvolver o aproveitamento do potencial da região. “A primeira dessas usinas terá sua obra iniciada, no mais tardar, no começo do ano, com entrada em produção prevista para ocorrer a partir do final de 2016”.

 

O presidente da Eletrobras afirmou que os estudos estão sendo desenvolvidos em parceria com a iniciativa privada e que ainda falta definir a participação societária dos outros parceiros. “Tem vários rios diferentes naquela região com potencial para gerar energia e estamos analisando sempre com a parceria de empresas privadas, como a Norbert, Andrade, Cevix e vários outras empresas brasileiras”.


Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar