Resultado

Movimento nos portos brasileiros cresce 5,9% no primeiro quadrimestre

Números reforçam expectativa do Ministério de Portos e Aeroportos de expansão entre 6 e 8% em 2024.

Redação TN Petróleo/Assessoria Governo Federal
18/06/2024 10:57
Movimento nos portos brasileiros cresce 5,9% no primeiro quadrimestre Imagem: Divulgação Visualizações: 407 (0) (0) (0) (0)

A movimentação de cargas nos portos brasileiros cresceu 5,92% nos primeiros quatro meses do ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. Os números, divulgados nesta segunda-feira pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), reforçam a expectativa do Ministério de Portos e Aeroportos de uma expansão de pelo menos 6% em 2024. A movimentação portuária no primeiro quadrimestre deste ano foi de 413,5 milhões de toneladas de cargas.

“O forte da exportação do agronegócio se concentra no segundo semestre. Isto indica que há espaço para a movimentação nos portos crescer ainda mais até o final do ano, podendo chegar próximo a 8% em relação ao verificado em 2023”, avalia o ministro Silvio Costa Filho, de Portos e Aeroportos.

Entre os produtos agrícolas, a soja (53,7 milhões de toneladas) apresentou um crescimento de 4% no período. O açúcar (9,2 milhões de toneladas) teve um crescimento de 72%, enquanto o café (1,1 milhão de toneladas) movimentou 80% a mais do que o verificado no primeiro quadrimestre de 2023.

Entre os portos públicos, que movimentaram 147,4 milhões de toneladas nos quatro primeiros meses do ano, Santos (43,9 milhões de toneladas) teve um crescimento de 11,7% e movimentou 30% do total. Paranaguá vem em seguida, com crescimento de 13% (19 milhões), seguido por Itaguaí (18,8 milhões), que cresceu 34,6%.

Dados mensal
No mês de abril, a movimentação portuária total foi de 105,13 milhões de toneladas de cargas, um crescimento de 2,59% em comparação com o mesmo período do ano passado. As cargas que apresentaram maior crescimento no mês foram Bauxita (+43,05%), Açucar (+32,89%) e Trigo (+27,78%).

Em relação às cargas conteinerizadas, a movimentação de abril atingiu 12,40 milhões de toneladas, um aumento de 23,18% em comparação com o mesmo período do ano passado, representando 1,12 milhões de TEUs. Desse total, 0,74 milhões de toneladas foram movimentadas em longo curso e 0,37 milhões por cabotagem. O crescimento dessa carga foi de 23,40% entre os meses de janeiro a abril, atingindo 47,40 milhões de toneladas de cargas.

Os granéis sólidos, que representam 59,8% do total de tudo que é movimentado, apresentaram crescimento de 2,72% frente a abril de 2023. Foram 62,88 milhões de toneladas registradas no quarto mês do ano. No acumulado do ano, os granéis sólidos movimentaram 241,09 milhões de toneladas de cargas, um aumento de 7%.

Por sua vez, granéis líquidos e cargas gerais movimentaram 25,13 milhões de toneladas (- 1,18%) e 4,70 milhões de toneladas (- 18,14%) durante o mês de abril, respectivamente.

Durante os primeiros quatro meses do ano, os granéis líquidos movimentaram 105,59 milhões de toneladas de cargas (- 0,07%) e cargas gerais movimentaram 19,25 milhões de toneladas de cargas (- 8,31%).

Navegação – Apoio marítimo foi o tipo de navegação com maior crescimento em abril comparado ao mesmo mês de 2023. Foram movimentados 0,11 milhão de toneladas de cargas, um aumento de 21,31%.

A movimentação de cargas de longo curso foi de 74,97 milhões de toneladas no quarto mês de 2024, apresentando crescimento de 5,09% em comparação com o mesmo período do ano passado.

A cabotagem apresentou uma alta de 1,59% em comparação com o mesmo período do ano passado, atingindo uma movimentação de 23,19 milhões de toneladas. Já a cabotagem de contêineres cresceu 30,01% em comparação com o mês de abril de 2023.

As operações de carga de apoio portuário e a navegação interior apresentaram recuo de 4,79% e 16,72% no mês, totalizando 0,12 milhão e 6,73 milhões de toneladas movimentadas, respectivamente.

Mais Lidas De Hoje
veja Também
Apoio Offshore
CBO assina com Equinor para operar PSV Delta Cardinal
22/07/24
Bacia de Campos
Sonda Valaris DS-17 fará a perfuração do projeto Raia no...
22/07/24
Estudo
Coral invasor é resistente a compostos biocidas usados e...
22/07/24
Terminais
Vast e Vibra fecham acordo de 20 anos para movimentação ...
19/07/24
Certificação
FPSO Bacalhau é primeiro no mundo a receber a notação DN...
18/07/24
Certificação
Porto do Açu Operações recebe certificação internacional...
18/07/24
Portos
Planejamento e alocação de recursos são fundamentais par...
18/07/24
Apoio Marítimo
Nova Offshore recebe nova balsa para fornecimento de com...
17/07/24
Leilão
PPSA habilita dez empresas para disputar o 4º Leilão de ...
17/07/24
Portos
Log-In Logística Integrada desenvolve programa para mini...
16/07/24
Reparo naval
Metalock Brasil realiza reparos estruturais em navio pet...
16/07/24
Terminais
ATP realiza live sobre cibersegurança nos terminais port...
16/07/24
PPSA
Com 56 mil bpd, parcela de petróleo da União é recorde n...
16/07/24
Resultado
Movimento do primeiro semestre do Porto de Imbituba aume...
15/07/24
PPSA
Novas previsões de volumes para o 4º Leilão da União
11/07/24
Estaleiro
Protocolo de intenções assinado entre Governo da Bahia e...
11/07/24
Offshore
Oil States conquista novo contrato com a Petrobras
10/07/24
Logística
Omni Táxi Aéreo e Petrobras celebram feito histórico na ...
10/07/24
Logística
Para atender a Transpetro, Petrobras retoma contratações...
09/07/24
Oleoduto
Transpetro conclui construção de um novo trecho do Oleod...
08/07/24
Rebocador
Wilson Sons inicia operação do WS Dorado, quinto rebocad...
08/07/24
VEJA MAIS
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.