acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mercado

Ibovespa encerra semana voltando para casa dos 53 mil pontos e dólar cai e fecha em R$ 3,28

11/07/2016 | 15h32
Ibovespa encerra semana voltando para casa dos 53 mil pontos e dólar cai e fecha em R$ 3,28
Divulgação Divulgação

Esta semana não foi capaz de seguir o mesmo ritmo da passada, e acabou sendo marcada por valores bastante mistos nos últimos dias, com dias marcados por perdas nos mercados internacionais com a perda de força pós-recuperação do Brexit. Tensão sobre possível crise na Europa também tomou conta da bolsa de valores aqui no Brasil, fazendo com que ela seguisse a mesma tendência de seus vizinhos. Com isso, ela encerra a semana se recuperando, depois de seguidas quedas nos últimos dias, com o S&P dobrar a projeção do PIB nesta sexta-feira. A casa dos 53 mil pontos foi recuperada e se firmou até o fim da jornada.

Outro indicativo que impactou as bolsas positivamente hoje foram os dados sobre a situação do mercado de trabalho nos EUA. Os números foram muito positivos, acima, inclusive, das projeções divulgadasm o que fez Wall Street ganhar mais de 1%. Isso, geralmente, gera uma tensão no mundo, pois situação norte-americana favorável significa alta nas taxas de juros. No entanto, com os dados anteriores sendo completamente abaixo do esperado, ocorreu uma situação adversa, e mercado viu situação como algo positivo. Enquanto isso, o dólar sobe durante a semana e passa dos R$ 3,30, mas encerra o dia hoje com queda de 2% e volta para os R$ 3,29.

Cenário Externo - EUA

O número de Vagas de Trabalho nos EUA subiu consideravelmente em junho, atingindo a marca de 287,000, enquanto a expectativa era de apenas 180,000. Valores positivos são bem importantes, uma vez que em maio, foram apenas 38,000 foram divulgadas, fazendo com que economia do país entrasse em pânico, e Fed optasse por manter as taxas de juros na mesma porcentagem. Entretanto, a Taxa de Desemprego no país subiu para 4,9% em junho, contra 4,7% do mês anterior, mantendo uma média estável, mas, mesmo assim, subindo um pouco o número da desocupação nos EUA. A previsão divulgada foi de 4,8%.

O índice de Pedidos às Fábricas nos EUA apontou, nesta terça-feira, uma queda de 1% referente ao mês de maio. A previsão divulgada foi certeira, enquanto no mês de abril os números mostraram, após revisão, um crescimento de 1,8%.

Os integrantes do Federal Reserve estão divididos sobre o aumento das taxas de juros nos EUA, emergindo um clima de dúvida entre cenário econômico e como proceder em relação ao assunto. Na ata do encontro dos membros do Fed em 14 e 15 de junho, divulgada nesta quarta-feira, eles divergiram sobre a situação com números ruins do mercado de trabalho, além das projeções de crescimento que desaceleraram, deixando a economia do país em risco. Com isso, houve um acordo entre as duas partes para que eles esperem por dados econômicos adicionais antes de decidirem qual medida tomar até o próximo encontro, que deve ocorrer nos dias 26 e 27 deste mês.

O número da balança comercial dos EUA, divulgado na manhã desta quarta-feira, revelou que o fechamento do mês de maio ficou em menos US$ 41,1 bilhões, um pouco mais negativo do que a previsão divulgada de menos US$ 40 bi. Em abril, o número apresentado foi de menos US$ 37,4 bilhões.

Ultrapassando a expectativa de 150,000, o índice de Vagas no Setor Privado (ADP Employment Report) apresentou no mês de junho o número de 172,000. O número foi um pouco abaixo, porém, do que o mês de maio, que registrou 173,000. Um pouco abaixo da previsão divulgada de 269 mil, a segunda semana de julho registrou 254 mil Pedidos de Auxílio-Desemprego nos EUA. Na primeira semana do mês, após revisão dos números, o índice apresentou 270 mil pedidos oficiais. E o índice de Estoques de Petróleo, divulgado no início de tarde desta quinta-feira, registrou uma queda de 2,2 mi de barris nesta semana, quase a metade do último número registrado, que foi de -4,1 mi. Apenas os três índices foram divulgados nesta quinta-feira.

Esta sexta-feira foi bem positiva para Wall Street. As bolsas americanas encerraram a semana subindo forte após ontem (7) ter sido um dia marcado por estabilidade. Dow Jones encerra a semana, portanto, subindo 1,40%, com 18.146,7 pontos. Já SP500 fecha a jornada de hoje subindo 1,52% aos 2.129,89 pontos, após atingir máxima histórica de 2.131 de pontuação.



Fonte: Assessoria Enfoque/Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar