acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Prominp

Fórum no MS avaliará projetos para ampliar base de fornecedores

21/06/2012 | 18h18
O Fórum Regional do Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp) do Mato Grosso do Sul tem o objetivo de desenvolver projetos para ampliar a base de fornecedores locais para atendimento das demandas por bens e serviços do segmento de petróleo e gás, em especial as demandas dos empreendimentos da Petrobras em Três Lagoas – UFN III (Unidade de Fertilizantes Nitrogenados) e Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes. O fórum foi lançado nesta quinta (21), em evento no campus da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, em Três Lagoas.

 

Os projetos serão encaminhados ao Fórum pelas entidades representativas da indústria e do comércio locais que compõem um Comitê Regional. Este Comitê, composto por técnicos da Petrobras, representantes da Federação das Indústrias do Estado do Mato Grosso do Sul (Fiems), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Associação Comercial de Três Lagoas, de órgãos governamentais, instituições de ensino e outras entidades da região, fará a análise dos projetos.

 

Atualmente, estão em atividade 22 Fóruns Regionais do Prominp para atendimento a demandas de diversos empreendimentos em 14 estados: Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Sergipe e São Paulo.

 

Várias ações vêm sendo desenvolvidas pela Petrobras no Estado do Mato Grosso do Sul para atendimento às demandas por bens e serviços da UFN III e da UTE Luís Carlos Prestes. Uma delas é o Convênio Petrobras-Sebrae firmado em 2011 com o objetivo de promover a inserção competitiva e sustentável de micro e pequenas empresas na cadeia produtiva de petróleo, gás e energia da região.

 

Outro destaque é o convênio assinado, também em 2011, com a Missão Salesiana do Mato Grosso do Sul para realização do projeto “Gerando Futuro”, dedicado à preparação de jovens de baixa renda, com idade entre 16 e 18 anos, para a prova de seleção do Prominp, que vem formando profissionais para o mercado de trabalho na indústria de petróleo, gás e energia desde 2006.

 

Este ano, pela primeira vez, foram oferecidas vagas para os cursos gratuitos de qualificação do Prominp no estado do Mato Grosso do Sul, todas elas na cidade de Três Lagoas. O 6° ciclo do Plano Nacional de Qualificação Profissional do Prominp foi aberto em abril deste ano com 708 vagas destinadas ao Estado, nos níveis básico e médio, em 15 categorias profissionais, todas voltadas para o setor de petróleo e gás natural.

 

Empreendimentos da Petrobras em Três Lagoas

 

Unidade de Fertilizantes Nitrogenados (UFN III)
A UFN III entrará em operação em setembro de 2014 com capacidade de produção de 1.223.000 toneladas de ureia e 761.000 toneladas de amônia por ano, sendo que, desta última, 691.000 toneladas serão utilizadas no processo produtivo da ureia e 70.000 toneladas serão comercializadas.

 

A fábrica da Petrobras em Três Lagoas será a maior unidade de produção de ureia da América Latina. Com a UFN III, a Petrobras dobrará a produção nacional de ureia, reduzindo a necessidade de importação desse insumo essencial à agricultura brasileira.

 

Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes
A Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes (UTE LCP) iniciou suas atividades em 2004 e concluiu, este ano, as obras para fechamento de ciclo, o que permite a utilização de vapor, além de gás natural, para geração de energia elétrica. Com isso, sua capacidade saltou de 252 MW para 368 MW, elevando a capacidade de geração da Petrobras para o Sistema Interligado Nacional (SIN).


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar