acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Rio de Janeiro

Encontro no Rio debate formas de melhorar ambiente de negócios no Brasil

27/02/2019 | 15h03

Com o objetivo de apresentar as medidas em andamento para incentivar as empresas e o empreendedorismo no país, aconteceu hoje (27) no Rio de Janeiro o evento Melhoria do Ambiente de Negócios - Doing Business Brasil 2020, promovido pela Secretaria-Geral da Presidência da República, em parceria com o Ministério da Economia.

O ministro chefe da Secretaria-Geral, Floriano Peixoto, explicou que o presidente Jair Bolsonaro se comprometeu em janeiro, no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, que iria elevar o Brasil da 109ª posição do ranking Doing Business para um lugar entre os 50 melhores até 2020.

“O presidente tem a percepção muito própria de que há uma dicotomia, uma incoerência muito grande em uma nação que ocupa entre as dez posições em economia no mundo porém não oferece a mesma oportunidade em negócios. Ele afirmou lá em Davos que a intenção é levar o Brasil 70 posições acima, ou seja, colocar entre as 50 nações globais no que diz respeito à facilidade para fazer negócio”, disse Floriano.

Em vídeo de saudação, o ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou que o Brasil é a oitava economia mundial e deveria estar nessa posição quando o assunto é ambiente de negócios. “As dificuldades de fazer negócios no Brasil se devem à falta de eletricidade, dificuldade de abrir empresa, impostos excessivos, falta de acesso ao crédito, execução dos contratos e uma série de outros problemas que infernizam a vida dos empreendedores”, disse o ministro.

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella destacou a importância do combate à corrupção para incentivar o empreendedorismo. O governador do estado, Wilson Witzel, falou sobre medidas que pretende implementar, como promover mudanças na mobilidade da região metropolita, oferecer cursos de empreendedorismo para donas de casa e desempregados utilizando o espaço das escolas públicas e firmar parceiras com bancos públicos e privados para oferecer microcrédito a quem queira abrir um pequeno negócio.

No evento, foram tratados em workshops temas como abertura de empresas, comércio internacional, pagamento de impostos e registro de propriedade, considerados pelo governo como pontos focais a serem destravados no país para melhorar o ambiente de negócios.

O relatório Doing Business é uma publicação do Banco Mundial, que está em sua 16ª edição, que traz indicadores quantitativos sobre as regulações das atividades comerciais e sobre a proteção dos direitos de propriedade, organizados de forma comparativa entre as 190 economias analisadas e também de um ano para outro.

A primeira edição do evento ocorreu ontem em São Paulo, com a presença do governador do estado, João Dória, e do prefeito da cidade, Bruno Covas.



Fonte: Redação/Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar