acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Finanças

Déficit dos EUA e petróleo esfriam negócios nas Bolsas

14/03/2005 | 00h00

As bolsas americanas e européias fecharam a semana passada (de 07 a 11/03) em queda, revertendo parte dos ganhos do início do mês. Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones, da Bolsa de Nova York (NYSE), acumulou queda de 1,5% entre segunda e sexta-feira. Na Europa, o DAX-30, da Bolsa de Frankfurt, perdeu 1,4% no mesmo período.
Na sexta-feira, a elevação dos preços do petróleo e o aumento do déficit comercial dos Estados Unidos esfriaram os negócios nas mesas de operação. As bolsas européias chegaram a ensaiar uma recuperação, influenciadas pelas projeções de bons resultados para as seguradoras, entre elas a alemã Allianz, mas o ritmo de alta se reduziu na parte da tarde. O índice FT-100, da Bolsa de Londres, subiu 0,40%, para 4.982,00 pontos. Os papéis da Allianz avançaram 2,4%.
Já nos EUA, a sexta-feira foi mais um dia de quedas em Wall Street. O Dow Jones caiu 0,71% e encerrou a semana aos 10.774,36 pontos; o Nasdaq Composto cedeu 0,88%, recuando para 2.041,60 pontos. O país divulgou na sexta o segundo maior déficit comercial de sua história, de US$ 58,3 bilhões.



Fonte: Valor Econômico/ag.
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar