Efeito Emoji

14/12/2022 10:55

(0) (0) (0) (0) Visualizações: 14104

Emojis não são apenas figurinhas engraçadas. O Discord, serviço global de comunicação de voz, vídeo e texto, indica que esses ícones estão moldando o futuro das conexões digitais, inclusive no Brasil. A companhia realizou uma pesquisa com 16 mil pessoas em diversos países. Os resultados do “O Efeito Emoji” acabam de sair.

O trabalho mostra como as gerações mais jovens – a gen Z e os Millennials – estão aprofundando a expressividade pessoal e os relacionamentos por meio dessa linguagem. O Discord vê uma média de 4,3 bilhões de emojis usados a cada semana em sua plataforma no mundo.

A metodologia de “O Efeito Emoji” consistiu em entrevistas com pessoas com mais de 16 anos nos EUA, Brasil, Reino Unido, França, Alemanha, Japão, Canadá e Austrália. O estudo foi conduzido de 16 de agosto a 7 de setembro. Os 16 mil entrevistados foram selecionados entre aqueles que concordaram em participar das pesquisas da Harris Poll. Entre as pessoas ouvidas, 9.066 tinham idades entre 16 e 25 anos (geração Z).

De acordo com o estudo, quase todos os usuários brasileiros de emoji (98%) recorrem a essas figuras nas conversas com amigos e família. Além disso, 82% dos entrevistados no Brasil indicam que os emojis permitem que eles se sintam corajosos o suficiente para expressar seus sentimentos verdadeiros.

Outro dado informa que 81% dos jovens adultos brasileiros (até 34 anos) usam esses ícones sempre ou frequentemente. O índice passa para 71% na faixa 35-44 anos; e 69% para 45-45 anos, por exemplo. Um dos resultados aponta que emojis ajudam a imitar conversas presenciais em um ambiente virtual (86% das respostas). E para 83% dos entrevistados o uso nas trocas de mensagens dá a sensação de estarem vendo as expressões faciais ou as emoções pessoalmente.

Os entrevistados brasileiros fazem mais uma revelação: os relacionamentos com parceiros amorosos (74%) e com interesses amorosos/ ficantes (55%) são fortalecidos pela utilização de emojis.

Mais resultados de “O Efeito Emoji”: mais de nove em cada 10 brasileiros sentem que as figurinhas permitem que eles expressem seu senso de humor (93%) e suas emoções (92%). Mais de 4 em cada 5 brasileiros relatam que saber usar essa linguagem permite que as conversas corram mais suavemente (85%).🥰

Além disso, mais de 4 em cada 5 brasileiros, quando veem outras pessoas usando ou reagindo a mensagens com emojis, sentem que podem baixar a guarda (84%). Vale um recorte nesse quesito: as mulheres brasileiras são mais propensas do que os homens a se sentirem assim (88% contra 81%).👏

“Um dos comportamentos mais populares que estamos vendo em nossa plataforma é o uso dos emojis. Então, estávamos realmente interessados em entender como eles fazem as pessoas se sentirem e qual é o seu potencial total”, afirmou Nicole Brendis, diretora de marketing de produtos de consumo do Discord, em comunicado. “Entre a geração Z, vimos um forte desejo de que os emojis não apenas representassem suas emoções, mas também criassem conexões mais profundas de maneiras mais autênticas”, completou. 🤗

Em tempo: a Adobe no seu recente estudo Future of Creativity da Adobe: 2022 U.S. Emoji Trend Report revela que 70% dos usuários de emojis dos EUA agora usam emoji no trabalho, com mais da metade (53%) dizendo que aumentaram o uso de emojis no trabalho no ano passado.

Fonte: Redação TN com Clube de Criação + Adobe 😊👍

Imagem: Divulgação

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

20