acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Gasoduto Bolívia-Brasil

Temporal danifica duto e paralisa o fornecimento de gás no Sul do país

25/11/2008 | 09h57

A Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil (TBG) confirmou a suspensão temporária, desde à noite de domingo (23), do fornecimento de gás natural à região da Grande Florianópolis e do Rio Grande do Sul em conseqüência das chuvas que vêm atingindo Santa Catarina.

 

A empresa informou que técnicos estão no local e que nas próximas horas deverá divulgar uma posição sobre o tempo que será necessário para restabelecer o fornecimento de gás para a região. Em nota divulgada anteriormente, a TBG informou que “devido às fortes chuvas e inundações ocorridas na região de Santa Catarina, foi identificada a ocorrência de um acidente no duto, seguido de fogo e ruído elevado, no trecho do gasoduto Bolívia-Brasi na localidade de Belchior, na região de Gaspar/SC”.

 

A nota informou, ainda, que o vazamento e o fogo já haviam sido debelados após o fechamento das válvulas de segurança do gasoduto próximas ao local do vazamento, e que “não havia registro de vítimas ou danos a edificações”. A empresa disse ainda que seu plano de contingência foi acionado, com a mobilização de equipamentos, material e recursos humanos para efetuar o reparo do gasoduto – e que havia comunicado o acidente à Agência Nacional do Petróleo (ANP), ao Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e ao Ministério de Minas e Energia.

 

“Todos os esforços e recursos estão sendo disponibilizados para realizar o reparo no menor tempo possível, e com menor impacto aos consumidores, às comunidades do entorno e ao meio ambiente”, conclui a nota. A TBG é proprietária e operadora no Brasil do maior gasoduto da América Latina, pelo qual transporta e comercializa o gás natural que vem da Bolívia, efetuando a entrega às Companhias Distribuidoras de cada Estado, detentoras da concessão de distribuição.



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar