acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Segurança no Trabalho

Wilson Sons Ultratug Offshore lança a primeira websérie sobre segurança do setor offshore brasileiro

21/05/2019 | 11h58

A Wilson Sons Ultratug Offshore, joint venture entre os grupos Wilson Sons e Ultramar, investiu em um novo formato para trabalhar conceitos como Compromisso Visível, Disciplina Operacional, Responsabilidade de Linha, Liderança pelo Exemplo, Gestão de Desvios e Melhoria Contínua, que são pilares do programa de cultura de SMS da empresa, o WSUT+. A websérie, batizada de "Extra Rol", foi lançada no final de fevereiro de 2019 e terá quatro episódios de cinco a dez minutos de duração. A embarcação escolhida para as filmagens da primeira temporada foi a "Pinguim", um PSV (Platform Supply Vessel) sob o comando de André Carneiro. Os episódios, intitulados "Troca de Turma", "Mar de Julho", "O Navio Nunca Para" e "Segurança em Primeiro Lugar" vão trazer entrevistas com os tripulantes, operações, imprevistos e surpresas em alto mar.

O mês escolhido para a gravação foi julho, como já diz o segundo episódio, exatamente por se tratar do período mais difícil para as embarcações. É a época do ano de ventos mais fortes e mar bravio. Dessa forma, foi possível captar os verdadeiros desafios que esses profissionais têm de enfrentar para exercerem suas atividades com segurança e de se reconhecer nos processos, entendendo seus papéis.

Inovação em SMS

A Wilson Sons Ultratug Offshore já vem demonstrando sua vocação para a inovação na gestão do seu programa de mudança de cultura em Segurança, o WSUT +. A empresa foi uma das primeiras do setor a fazer briefings de segurança e campanhas utilizando recursos audiovisuais. Para Dayana Pimentel, sponsor do projeto e gerente de HSE da Wsut, o mais importante é que todos entendem seus papéis e que devam fazem certo. “O nosso objetivo é continuar atingindo o Zero Acidente. Temos um compromisso oficial com isso. Acabamos de completar 6 milhões de horas trabalhadas sem acidentes com afastamento, o que prova que estamos no caminho certo”, avalia.  

Luciano Brito, que também idealizou a web série é engenheiro de formação e afirma que precisou entender o papel da comunicação a fundo, se especializando em Marketing e Comunicação estratégica para atingir a transformação de consciência em segurança que buscava. “Compreender como funciona o fluxo comunicacional, ajustá-lo à realidade da governança e permeá-lo dentre os elementos do sistema gestão de SMS é de extrema importância para que se tenha a clareza de como ele interfere nas ações individuais (e, consequentemente, nas coletivas) que impactam diretamente na tomada de decisão dos nossos colaboradores”, afirma. Brito também avalia que o sucesso do projeto Wsut + advém, sobretudo, em buscar soluções mais lúdicas para passar as mensagens. “Ninguém muda a consciência vendo uma apresentação simples em .ppt. Precisamos ouvir os colaboradores, buscar entender como eles preferem receber informações e acompanhar as tendências de consumo de conteúdo mundiais”, completa.  

Foi através dessa linguagem atual que algumas produções audiovisuais do Wsut + já atingiram milhares de visualizações espontâneas, como as campanhas "Liderança pelo Exemplo" (atingindo 16,5 views) e o mais recente "Segurança com as Mãos", com mais de duas mil e quinhentas visualizações (vide links abaixo*). 

A gerente de DHO, Márcia Valéria, também acredita que a ferramenta é ideal para o a evolução da comunicação no setor de O&G. “A mensagem chega de forma padronizada e ao mesmo tempo a todos os nossos colaboradores, e já demonstrou ser muito eficiente. Temos regularmente pesquisas específicas de comunicação interna que norteam afirmam isso. O fator humano envolvido no conteúdo audiovisual alcança os níveis de identificação necessários para a mudança de cultura em SMS”, afirma. 

As gravações a bordo

O nome "Extra Rol" remete à equipe de gravação dos profissionais que estiveram a bordo durante as filmagens, algo já bem difícil de ser realizado, pela própria natureza do serviço das embarcações. Foram vários dias de gravação ininterruptas, totalizando mais de 120 horas de filmagem com quatro câmeras diferentes, entre elas um drone. As equipes de filmagem se alternaram entre os dias e as noites para mostrar como funciona a rotina dos navios da companhia, que ficam disponíveis para as operações 24 horas por dia, sete dias por semana.

Link:

Teaser Extra Rol: https://www.youtube.com/watch?v=Hb6jBLHKW-4&feature=youtu.be

Sinopses dos episódios:

EPISÓDIO 01: TROCA DE TURMA

Quando a turma do CMT André Carneiro está se preparando para um novo embarque, é surpreendida com um teste de álcool e drogas. Depois de passarem pelo procedimento, a tripulação segue para seus camarotes e logo mostram um dos maiores desafios de quem trabalha no mar: a saudade. Ainda assim, a passagem de serviço impõe às turmas a Responsabilidade de Linha para que os colaboradores que entram consigam dar continuidade ao trabalho realizado pelos colegas que desembarcam.

 

EPISÓDIO 02: MAR DE JULHO

Uma tempestade atinge a embarcação durante uma das manobras mais difíceis do mar de julho: a aproximação a uma plataforma de madrugada. Neste episódio, o comandante reflete sobre o Direito de Recusa, um dos conceitos de Segurança do Trabalho que garante ao responsável a possibilidade de recusar uma operação caso não a julgue segura. A imediato Machado fala também sobre a Segurança Interdependente ao mostrar sua preocupação com os marinheiros que estão trabalhando no convés em condições adversas.

 

EPISÓDIO 03: O NAVIO NUNCA PARA

Neste episódio será mostrada a real rotina 24 horas do navio, começando pela cozinha, que acorda para alimentar toda a tripulação. Já a Praça de Máquinas segue com todos os procedimentos de manutenção enquanto o Pinguim não está em operação. Nos dois setores percebemos a necessidade da Disciplina Operacional para manter os colaboradores seguros e como eles ratificam o Conceito de Dono ao cuidar de suas áreas. Enquanto o Pinguim segue viagem para a próxima plataforma, a tripulação realiza simulados de eventos de alto risco e uma reunião de pré-tarefa, afirmando que segurança vem em primeiro lugar.

 

EPISÓDIO 04: SEGURANÇA EM PRIMEIRO LUGAR

Uma falha de comunicação pode significar o fracasso de uma operação de fornecimento de água para uma plataforma. Graças à atenção da Praça de Máquinas, um aumento de pressão foi verificado precocemente e prontamente corrigido. Ainda que a tripulação do Pinguim cumpra todos os procedimentos, nesse episódio conhecemos o conceito de Melhoria Contínua, que é a revisão das operações com o intuito de detectar falhas a serem sanadas ou melhorias que possam ser implementadas.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar