acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Negócios

Tecnologia da GE colabora para alavancar o potencial eólico do Brasil

06/12/2010 | 11h14
O Brasil continua a oferecer grandes oportunidades para desenvolvimento desta modalidade de geração de energia. Como parte dos leilões de energia alternativa de 2010 do País, a GE recebeu encomendas por parte de quatro desenvolvedores para fornecer 258 turbinas eólicas que acrescentarão mais de 400 megawatts de eletricidade eólica limpa à capacidade de geração de energia renovável do Brasil, alavancando a companhia como maior fornecedora desta tecnologia em projetos contratados no país.

 

As encomendas do leilão de 2010 são provenientes de clientes importantes para a companhia como a Renova Energia S.A. para um projeto no Estado da Bahia; e a Dobreve Energia S.A. (DESA), Contour Global e Bioenergy, para projetos no Estado do Rio Grande do Norte.

 

Os compromissos incluem o fornecimento de 258 das avançadas turbinas eólicas da GE de 1,5 e 1,6 megawatts. A série de turbinas eólicas de 1,5-megawatts são as mais vendidas e instaladas em fazendas eólicas mundialmente.

 

“A capacidade de suprir as necessidades do Brasil com a tecnologia mais adequada às condições eólicas do País é o fator-chave do nosso contínuo sucesso nos leilões de energia eólica,” afirma Victor Abate, vice-presidente de Energias Renováveis da GE Power & Water. “Estamos focados em trabalhar com os nossos clientes no Brasil e ajudá-los na sua missão de gerar energia proveniente de fontes renováveis no País.”

 

As encomendas dos leilões de 2010 são o resultado do sucesso da GE, que ganhou mais de 400 megawatts em encomendas de turbinas eólicas no primeiro leilão de energia eólica realizado em dezembro de 2009.

 

“Para nós da GE, sermos contemplados para fornecer o equivalente a 21% dos megawatts ofertados nos dois últimos leilões reafirma nosso posicionamento como um dos líderes de energia eólica no Brasil e, mais importante ainda, representa um passo importante nas nossas visões de compromisso de longo prazo com o Brasil”, disse Jean Claude Robert, diretor da GE Wind para a América Latina.

 

Os detalhes das encomendas provenientes dos leilões de 2010 para a GE são:

 

Renova – 163 megawatts com 102 unidades
DESA – 60 megawatts; com 38 unidades;
Contour Global – 150 megawatts com 100 unidades
Bioenergy – 28.8 megawatts com 18 unidades.
 

A Renova e a DESA já haviam escolhido anteriormente a tecnologia GE nos leilões de 2009 no Brasil, enquanto a Contour Global e a Bioenergy são clientes da companhia pela primeira vez. O escopo de trabalho com cada desenvolvedor irá incluir o fornecimento, instalação e comissionamento das turbinas eólicas, junto com contratos de serviço de pelo menos dois anos. A tecnologia da turbina eólica da GE é parte da estratégia ecomagination, negócio da companhia responsável pelo desenvolvimento de soluções inovadores para os desafios ambientais.

 

Tradicionalmente, o Brasil tem contado bastante com as hidroelétricas para seu suprimento de energia. Os recentes leilões de energia eólica reforçam o compromisso do País em incluir a energia eólica em sua matriz energética, enquanto continua a expandir seu leque de fontes renováveis.

 

O Brasil é o País líder em energia eólica na América Latina, com previsão de instalação de 31,6 gigawatts de capacidade por volta de 2025, de acordo com um recente estudo da IHS Emerging Energy Research. A escala de mercado brasileiro, e as políticas pró-ativas de energia renovável estão criando um crescimento continuado no desenvolvimento da energia eólica.

 

A GE está presente no Brasil desde 1919 e atualmente emprega mais de seis mil funcionários no País. Recentemente, a companhia anunciou planos de investir US$ 500 milhões para expandir suas operações no Brasil, incluindo US$ 200 milhões para o desenvolvimento de novas turbinas eólicas e produtos aeroderivados, e adicionalmente aumentar a capacidade de seus negócios de Óleo e Gás. Como parte da expansão, a GE está estabelecendo o seu quinto Centro de Pesquisas Global no Brasil na cidade do Rio de Janeiro. O trabalho neste centro irá focar em tecnologias avançadas para as indústrias de energia renovável, óleo e gás, mineração, transporte ferroviário e aviação.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar