acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Techint E&C constrói maior planta regaseificadora da Europa

20/07/2016 | 13h03

A Techint Engenharia e Construção concluiu a construção do terminal de regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) de Dunkerque, no norte da França, o maior projeto desse tipo na Europa. O terminal, cuja construção levou quatro anos, tem capacidade para processar 13 bilhões de metros cúbicos de gás, destinados a suprir 20% do consumo anual de gás natural da França e da Bélgica.

A planta regaseificadora, que consumiu um investimento de mais de 1 bilhão de euros, pertence à Dunkerque LNG, companhia formada pelas empresas de energia EDF, Fluxys e Total. Este cliente contratou a Techint Engenharia e Construção e sua sócia espanhola Sener para executar todas as tarefas de engenharia básica e de detalhamento, fornecimento dos materiais necessários, realização das obras civis, construção, comissionamento e assistência à implementação.

 

O terminal foi inaugurado na sexta-feira 8 de julho. O momento mais importante da cerimônia foi a chegada do primeiro navio de gás natural liquefeito proveniente da Nigéria. Em setembro de 2016 poderá ter início a operação comercial de recepção e regaseificação de gás.

“Esta obra é um orgulho para a Techint e uma referência no setor de energia, devido às soluções tecnológicas de vanguarda utilizadas no terminal para garantir a eficiência, a segurança e o cuidado do meio ambiente”, explica Carlos Bacher, CEO da Techint Engenharia e Construção. “Foi um desafio que envolveu toda a nossa capacidade técnica nas atividades de construção ao longo dos quatro anos e meio deste projeto, estratégico para todo o mercado de gás europeu, e que hoje gera oportunidades de crescimento e de trabalho.”

O consórcio formado pela Techint E&C e pela Sener empregou no auge da obra cerca de 1.800 pessoas, com um total de 2,7 milhões de homens/hora trabalhadas. Depois que o gás líquido chega de navio à planta, ele é armazenado em três tanques com capacidade de 190.000 metros cúbicos cada um. O terminal incluiu a construção de um porto de descarga, que conta com cinco braços de descarga de GNL, e a instalação de três compressores BOG (Boil Off Gas) e de um recondensador BOG, os principais equipamentos do processo de regaseificação.

A Techint Engenharia e Construção tem vasta experiência no mundo do GNL. Recentemente, concluiu um terminal semelhante na Polônia (com capacidade para processar 5 bilhões de metros cúbicos de gás) e a ampliação de outro na Bélgica (com capacidade para processar 9 bilhões de metros cúbicos de gás).

Sobre a Techint

A Techint Engenharia e Construção é uma empresa que fornece serviços integrados de gestão de projetos, engenharia, fornecimento e construção em nível global, para grandes obras de infraestrutura. Com origem na Argentina, a Techint está presente em vários países da América Latina, e realiza projetos na Europa, na África e no Oriente Médio.

 

 

 

 

 



Fonte: Assessoria/Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar