acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia elétrica

Resultado do 10º Leilão de Energia de Reserva: investimento de R$ 1,1 bi e 25 GWh contratados em hidrelétricas

23/09/2016 | 13h30
Resultado do 10º Leilão de Energia de Reserva: investimento de R$ 1,1 bi e 25 GWh contratados em hidrelétricas
Divulgação Divulgação

Foi realizado nesta sexta­-feira (23/9) o 10º Leilão de Energia de Reserva da CCEE que negociou, ao todo, 25.087.147,200 MWh em energia. O preço médio ao final das negociações foi de R$ 227,02 por MWh, com deságio de 8,46% em relação ao preço-teto estabelecido, o que representou uma economia de R$ 526 milhões para os consumidores de energia.

Ao todo, 30 empreendimentos de geração participaram do leilão, envolvendo investimentos de R$ 1,1 bilhão. Foram negociados contratos com 19 Pequenas Centrais Hidrelétricas – PCH (86,8 MW médios) e 11 Centrais de Geração Hidrelétrica – CGH (8,6 MW médios), ressaltando que esta foi a primeira participação desse tipo de usina em leilões de energia. O total negociado somou 95,4 MW médios.

Os empreendimentos deverão iniciar o fornecimento de energia elétrica a partir de 1º de março de 2020. O volume financeiro movimentado alcançou R$ 5,69 bilhões em Contratos de Energia de Reserva (CER) que serão firmados entre os geradores e a CCEE com prazo de 30 anos de suprimento.

Os estados do Mato Grosso (26,2 MW médios), Santa Catarina (11,4 MW médios) e Mato Grosso do Sul (9,8 MW médios) receberão as usinas com o maior montante de energia negociada no certame. Além desses, serão desenvolvidos projetos nos estados do Rio Grande do Norte, Paraná, Ceará, Rondônia, Tocantins, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Goiás.

Sobre o leilão

O leilão tem como objetivo a venda de energia de reserva, destinada a aumentar a segurança no fornecimento de energia elétrica ao Sistema Interligado Nacional (SIN), proveniente de usinas especialmente contratadas para este fim, seja de novos empreendimentos de geração ou de empreendimentos existentes.

Os resultados completos estão disponíveis no site da CCEE.



Fonte: Redação/Assessoria CCEE
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar