acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Premium II

Refinaria está a todo o vapor, diz Gabrielli

02/12/2010 | 09h35
O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, disse ontem que as providências para a concretização da refinaria Premium II, a ser instalada pela empresa no Ceará, estão "a todo o vapor". Ele ressaltou que o projeto da refinaria é de "alto grau de complexidade", mas garantiu que as questões referentes à fase inicial do empreendimento estão sendo "ultimadas".
 

A avaliação foi feita ontem pelo presidente da Petrobras ao responder pergunta do repórter da Rádio Verdes Mares, Newton Sales, que questionou como estaria a implantação da refinaria prometida para o Ceará. "Primeiro, não é refinaria prometida. A refinaria está se efetivando", garantiu Gabrielli ao jornal.
 

A entrevista foi dada ao programa Brasil em Pauta, produzido pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República. Durante uma hora, Gabrielli atendeu a repórteres de rádios do Ceará, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Espírito Santo, Bahia, Maranhão, Santa Catarina, Paraná e Amazonas. Os investimentos em novas refinarias foi um dos assuntos mais abordados.
 

Segundo o presidente da Petrobras, a Universidade Federal do Ceará (UFC) está realizando os estudos de impacto ambiental e o Governo do Estado, finalizando a questão da legalização do terreno para instalar o empreendimento. A previsão é que a refinaria a ser instalada no Complexo Industrial do Pecém comece a funcionar em 2017.
 
 
Preparação
 
 
Gabrielli lembrou que foi iniciado em algumas áreas o trabalho de sondagem, atividade apontada por ele como indispensável para iniciar o processo de terraplenagem da área. "Dentro em breve, assim que resolvidas essas questões legais sobre o terreno, nós iniciaremos a licitação para a terraplenagem", disse o presidente da Petrobras.
 

A proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2011 prevê que a Petrobras investirá cerca de R$ 310,27 milhões no empreendimento no próximo ano. O investimento total estimado para o projeto é de cerca de US$ 11 bilhões, segundo valores anunciados pela empresa em 2008.
 

"Estamos avançando na definição do projeto básico (da refinaria). Contratamos uma empresa de engenharia que é considerada uma das melhores em projeto de refinaria do mundo para desenhar a estrutura dos equipamentos. A refinaria é uma planta industrial complexa", disse Gabrielli. Segundo ele, a Premium II é particularmente mais complexa porque será utilizada para produzir principalmente diesel. "Estamos em pleno vapor na alavancagem de um empreendimento que leva cinco, seis, sete anos para ser efetivado", declarou.


Fonte: Diário do Nordeste
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar