acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Resultado

Produção mundial de aço bruto sobe 5,2% em agosto

20/09/2013 | 09h33

 

A produção mundial de aço bruto cresceu 5,2% em agosto na comparação com o mesmo mês de 2012 e somou 130 milhões de toneladas, informou a associação global do setor, World Steel Association (Worldsteel) nesta sexta-feira.
Em relação ao mês de julho, houve uma redução de 1,8% no volume de aço produzido mundialmente. 
A Worldsteel divulgou ainda que o uso da capacidade das siderúrgicas globais foi de 75,4% em agosto, 1,4 ponto abaixo do que no mês anterior.
A China foi mais uma vez o destaque da produção global de aço bruto, com 66,3 milhões de toneladas no oitavo mês do ano, um aumento de 12,8% em relação ao mesmo mês do ano passado.
Entre os demais principais produtores globais, a Worldsteel, que reúne dados de 64 países, mostra que a produção alemã de aço bruto caiu 6,3% em agosto, para 3,2 milhões de toneladas. Na Rússia, houve uma queda de 1,9%, para 5,8 milhões de toneladas e, na Turquia, o volume recuou 15,4%, para 2,6 milhões de toneladas.
A produção americana caiu 2,9% em agosto, na mesma comparação, e somou 7,4 milhões de toneladas. 
No Brasil, a associação contabiliza um aumento de 4,6%, para 3,0 milhões de toneladas de aço bruto. Dados estimados para a Índia apontam alta de 0,9%, para 6,4 milhões de toneladas, enquanto no Japão houve uma redução de 0,6%, para 9,1 milhões de toneladas.
Ainda entre os maiores produtores do mundo, a Coreia do Sul reduziu em 13,1% sua produção, para 4,8 milhões de toneladas, segundo a Worldsteel.
No acumulado dos oito primeiros meses do ano, houve um aumento de 2,3% na produção global de aço bruto, na comparação com o período de janeiro a agosto de 2012, para 1,050 bilhão de toneladas. 

A produção mundial de aço bruto cresceu 5,2% em agosto na comparação com o mesmo mês de 2012 e somou 130 milhões de toneladas, informou a associação global do setor, World Steel Association (Worldsteel) nesta sexta-feira.


Em relação ao mês de julho, houve uma redução de 1,8% no volume de aço produzido mundialmente. 


A Worldsteel divulgou ainda que o uso da capacidade das siderúrgicas globais foi de 75,4% em agosto, 1,4 ponto abaixo do que no mês anterior.


A China foi mais uma vez o destaque da produção global de aço bruto, com 66,3 milhões de toneladas no oitavo mês do ano, um aumento de 12,8% em relação ao mesmo mês do ano passado.


Entre os demais principais produtores globais, a Worldsteel, que reúne dados de 64 países, mostra que a produção alemã de aço bruto caiu 6,3% em agosto, para 3,2 milhões de toneladas. Na Rússia, houve uma queda de 1,9%, para 5,8 milhões de toneladas e, na Turquia, o volume recuou 15,4%, para 2,6 milhões de toneladas.


A produção americana caiu 2,9% em agosto, na mesma comparação, e somou 7,4 milhões de toneladas. 


No Brasil, a associação contabiliza um aumento de 4,6%, para 3,0 milhões de toneladas de aço bruto. Dados estimados para a Índia apontam alta de 0,9%, para 6,4 milhões de toneladas, enquanto no Japão houve uma redução de 0,6%, para 9,1 milhões de toneladas.


Ainda entre os maiores produtores do mundo, a Coreia do Sul reduziu em 13,1% sua produção, para 4,8 milhões de toneladas, segundo a Worldsteel.


No acumulado dos oito primeiros meses do ano, houve um aumento de 2,3% na produção global de aço bruto, na comparação com o período de janeiro a agosto de 2012, para 1,050 bilhão de toneladas. 



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar