acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biodiesel

Petrobras Biocombustível promove encontro com agricultores familiares na Paraíba

15/12/2009 | 08h58

A Petrobras Biocombustível, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário, promoveu nesta segunda-feira (14/12) o Encontro de Mobilização para a Safra 2009/2010, em Lagoa Seca (PB). O evento reuniu produtores de oleaginosas da Paraíba e suas entidades representativas com o objetivo de incentivar os agricultores familiares da região a produzir oleaginosas, como mamona e girassol, dentro do programa de suprimento de matéria-prima para a produção de biodiesel nas usinas da empresa.

 

O diretor de Suprimento Agrícola da Petrobras Biocombustível, Janio Rosa, comentou durante o evento sobre a importância da prestação de assistência técnica agrícola. “Os técnicos têm a tarefa de transferir conhecimento e tecnologia aos produtores de oleaginosas contratados. Nossa expectativa para 2010 é de mais resultados”.

 

Marco Antônio Viana Leite, representante da Secretaria da Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário, disse que o programa vem sofrendo ajustes. “Estamos investindo para tornar competitiva a agricultura familiar, aumentar a produção e a produtividade. E assim fazer do Nordeste um pólo de produção de energia renovável”.

 

Já o secretário do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca do Governo do Estado da Paraíba, Ruy Bezerra, destacou o desafio de atuar na Paraíba, que tem 75% do seu território semiárido. “Estamos dando o primeiro passo. A parceria com a Petrobras Biocombustível é importante, pois dá seriedade a este projeto de desenvolvimento sustentável e inclusão social”.

 

No Estado da Paraíba, a Petrobras Biocombustível possui contratos com 936 agricultores familiares. A meta é chegar a 7.800 nos próximos anos. Para isso, a empresa desenvolve um programa para estimular o mercado agrícola regional, envolvendo a agricultura familiar. Fazem parte das ações: a prestação de assistência técnica, o fornecimento de sementes certificadas e a logística para transporte da produção.

 

A empresa também firma contratos - com prazo de cinco anos - que são negociados junto às entidades de classes dos agricultores familiares e asseguram a compra da produção por preço de mercado ou pelos valores estabelecidos no Programa de Garantia de Preços para Agricultura Familiar (PGPAF), caso se apresentem mais vantajosos ao produtor.



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar