acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Pré-Sal

Novo recorde de produção da BG Brasil: 100 mil barris/dia

07/11/2014 | 17h10

 

A BG Brasil alcançou o recorde de produção de 100 mil barris de óleo equivalente por dia (boed) em outubro. O resultado, que considera apenas a parcela da BG Brasil, deve-se a um aumento significativo na produção de óleo e gás no pré-sal da Bacia de Santos, onde a empresa tem participação em três blocos em parceria com a Petrobras, incluindo grandes descobertas como Lula, Iracema, Sapinhoá, Iara e Lapa.
No terceiro trimestre desse ano, a produção média foi de 81 mil boed. A empresa tem obtido alta taxa de sucesso no programa de perfuração junto aos parceiros, o que posiciona a BG Brasil como a maior produtora privada de óleo e gás no país.
A conquista vem no mesmo ano que a BG Brasil comemora seu aniversário de 20 anos. O compromisso com o país é reforçado por um plano de investimentos de longo prazo: cerca de US$ 3 bilhões por ano nos próximos anos. Desde que a empresa chegou ao Brasil, em 1994, mais de US$ 8 bilhões já foram investidos.

A BG Brasil alcançou o recorde de produção de 100 mil barris de óleo equivalente por dia (boed) em outubro.

O resultado, que considera apenas a parcela da BG Brasil, deve-se a um aumento significativo na produção de óleo e gás no pré-sal da Bacia de Santos, onde a empresa tem participação em três blocos em parceria com a Petrobras, incluindo grandes descobertas como Lula, Iracema, Sapinhoá, Iara e Lapa.

No terceiro trimestre desse ano, a produção média foi de 81 mil boed.

A empresa tem obtido alta taxa de sucesso no programa de perfuração junto aos parceiros, o que posiciona a BG Brasil como a maior produtora privada de óleo e gás no país.

A conquista vem no mesmo ano que a BG Brasil comemora seu aniversário de 20 anos.

O compromisso com o país é reforçado por um plano de investimentos de longo prazo: cerca de US$ 3 bilhões por ano nos próximos anos. Desde que a empresa chegou ao Brasil, em 1994, mais de US$ 8 bilhões já foram investidos.



Fonte: Redação/ Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar