acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Meio Ambiente

Nona edição da Conferência Ministerial de Energia Limpa acontece nesta quinta-feira (24/05)

21/05/2018 | 16h08

Acontece nesta quinta, 24 de maio, a nona edição da conferência Ministerial de Energia Limpa (CEM9), em Copenhague, Dinamarca. Ministros de Energia e altos líderes governamentais dos 25 membros do CEM (24 países, incluindo o Brasil e Comissão Europeia) se reúnem com alguns dos mais proeminentes executivos e líderes de pensamento do mundo para impulsionar a implantação de tecnologias limpas para fazer a transição para uma economia competitiva e inovadora de baixo carbono.

A Conferência Ministerial de Energia Limpa (CEM) é um fórum global de alto nível criado para promover políticas e programas que promovam tecnologias de energia limpa, compartilhar lições aprendidas e melhores práticas, e encorajar a transição para uma economia global de energia limpa. As iniciativas são baseadas em áreas de interesse comum entre os governos participantes e outras partes interessadas.

A Conferência Ministerial sobre Energia Limpa (CEM) foi lançada na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas em Copenhague em dezembro de 2009, quando o Secretário de Energia dos EUA, Steven Chu, anunciou que iria sediar a primeira Reunião Ministerial sobre Energia Limpa para juntar os ministros responsáveis por tecnologias de energia limpa das principais economias do mundo e ministros de um seleto número de países menores que estão liderando em várias áreas de energia limpa.

As áreas de foco do CEM abrangem três metas globais: melhorar a eficiência energética, aumentar o fornecimento de energia limpa e expandir o acesso à energia limpa. As iniciativas da CEM baseiam-se em Planos de Ação de Tecnologia que foram divulgados pela Parceria Global do Fórum das Maiores Economias em dezembro de 2009, que apresentou as melhores práticas para a ação em áreas-chave da tecnologia.

O trabalho acontece em três eixos: diálogo político de alto nível, que ajuda a promover a colaboração internacional para acelerar a adoção de políticas e práticas de energia limpa; o envolvimento público-privado, que fortalece a cooperação entre a indústria, o governo e a sociedade civil necessária para aumentar a energia limpa em todo o mundo; iniciativas e campanhas de energia limpa orientadas para a ação.

O CEM antecede a reunião Ministerial sobre Ação Climática (MoCA), na Bélgica, e dos Diálogos de Petesburgo, na Alemanha, em junho. Em ambos, espera-se que os países aumentem as expectativas para o Diálogo de Talanoa da COP24, durante o qual as decisões sobre o reforço da ambição nacional de ação climática estarão sobre a mesa.

Para mais informações sobre o evento, contate Eva STEPNIEWSKA na Secretaria do CEM: Eva.STEPNIEWSKA@cemsecretariat.org.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar