acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Ministros de Energia da América do Sul discutem projetos da integração

07/03/2005 | 00h00

Os minstros da Energia do Brasil, Venezuela e Argentina se encontraram em 30 dias para discutir os projetos de integração energética, de acordo com a declaração assinada pelos presidentes dos países no dia primeiro de março na capital do Uruguai, Montevidéu, conforme informou a agência de notícias governamental venezuelana ABN.
Os presidentes da Venezuela, Hugo Chávez, do Brasil, Luís Inácio Lula da Silva e da Argentina, Néstor Kirchner, se encontraram em Montevidéu durante a cerimônica de posse do presidente uruguaio, Tabaré Vázquez.
Os três países assinaram um conjunto de acordos em energie este ano. A estatal venezuelana PDVSA concordou em distribuir combustível e estuda projetos de refinaria na Argentina conjuntamento com a companhia petroleira estatal, Enarsa.
Além disso, a companhia brasileira Petrobras vai explorar e produzir petróleo e gás natural na Venezuela, manufaturar petroquímicos e as duas empresas planejam construir uma nova refinaria no Brasil, em conjunto com a PDVSA.
Na quarta-feira, o presidente Vásquez, do Uruguai, assinou um memorando de entendimentos com Chávez para participar da PetroSur, uma companhia regional gerida pela Venezuela que continua em estado embrionário. A Venezuela assinou com Argentina e Brasil acordos para participar da PetroSur.
Chávez tem repetido seu desejo em diversificar os mercados para o petróleo venezuelano. Atualmente, o país venda 60% do seus 2,1 milhões de barris por dia de petróleo par exportação para os Estados Unidos.



Fonte: BNamericas
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar