acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Mais uma empresa recebe autorização para procurar petróleo em Moçambique

25/08/2010 | 09h04
A empresa sul-africana Sasol vai pesquisar a possibilidade de extrair petróleo na Península de Sofala, em Moçambique. A autorização foi concedida nesta terça-feira (25), na reunião semanal do Conselho de Ministros do país. A concessão para pesquisa e prospecção vale por oito anos. Caso a Sasol a comprove a existência de petróleo, poderá explorá-lo por 30 anos. A companhia deve investir cerca de U$ 25 milhões nesta fase inicial de estudos.


A autorização foi concedida oito dias depois de outra empresa estrangeira, a norte-americana Anadarko Petroleum Corporation, anunciar a descoberta de petróleo na Bacia do Rio Rovuma, no Norte de Moçambique. O óleo está a mais de 5 mil metros de profundidade, o equivalente à camada pré-sal da costa brasileira.


Segundo a ministra de Recursos Minerais, Esperança Bias, ainda não foi confirmada a viabilidade comercial da descoberta. A expectativa é que os estudos complementares fiquem prontos ainda este ano. Mais três companhias fazem pesquisas petrolíferas em Moçambique: ENI de Itália, Petronas da Malásia e Statoil da Noruega.

 

Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar