acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Pré-Sal

Leilão atraiu interesse de dez empresas, indica ANP

17/09/2013 | 10h10

 

Dez empresas já manifestaram interesse em participar do leilão de Libra, no pré-sal da Bacia de Santos, primeira área do pré-sal a ser colocada em concorrência sob regime de partilha, informou o diretor da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Helder Queiroz. A concorrência está marcada para 21 de outubro. Os interessados têm até quarta-feira para manifestar o interesse e pagar a taxa de participação. 
Queiroz participa de seminários Técnico-Ambiental e Jurídico-Fiscal da Primeira Rodada do Pré-sal. O primeiro evento tem como objetivo apresentar informações técnicas e aspectos ambientais sobre a área de Libra. O Jurídico-Fiscal abordará a legislação e os instrumentos licitatórios (edital e contrato de partilha de produção), além de apresentar aspectos gerais sobre qualificação e habilitação de empresas; participações governamentais; pesquisa, desenvolvimento e inovação; e conteúdo local.
O diretor da ANP afirmou que as notícias de que os americanos estariam espionando a Petrobras não atrapalham a realização do leilão de Libra. "As últimas notícias de espionagem não impedem nada das diferentes realizações de cada etapa [do leilão]", frisou Queiroz.

Dez empresas já manifestaram interesse em participar do leilão de Libra, no pré-sal da Bacia de Santos, primeira área do pré-sal a ser colocada em concorrência sob regime de partilha, informou o diretor da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Helder Queiroz. A concorrência está marcada para 21 de outubro. Os interessados têm até quarta-feira para manifestar o interesse e pagar a taxa de participação. 


Queiroz participa de seminários Técnico-Ambiental e Jurídico-Fiscal da Primeira Rodada do Pré-sal. O primeiro evento tem como objetivo apresentar informações técnicas e aspectos ambientais sobre a área de Libra. O Jurídico-Fiscal abordará a legislação e os instrumentos licitatórios (edital e contrato de partilha de produção), além de apresentar aspectos gerais sobre qualificação e habilitação de empresas; participações governamentais; pesquisa, desenvolvimento e inovação; e conteúdo local.


O diretor da ANP afirmou que as notícias de que os americanos estariam espionando a Petrobras não atrapalham a realização do leilão de Libra. "As últimas notícias de espionagem não impedem nada das diferentes realizações de cada etapa [do leilão]", frisou Queiroz.

 



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar