acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gás natural

GasBrasiliano: Distribuição de gás natural terá 33 km e custará R$ 9 milhões

10/09/2019 | 17h50

Depois de décadas em fase de discussão, Rio Preto passará a ter, sim, a distribuição de gás natural. O início das obras do sistema local está previsto para o final de 2020 e a estimativa é que o sistema entre em operação em outubro de 2021.

O projeto da GasBrasiliano, concessionária responsável pela distribuição do gás natural canalizado na região Noroeste do Estado, prevê um sistema local, o que antecipará a disponibilização do gás. A rede de distribuição local terá cerca de 33 quilômetros e vai receber investimentos de cerca R$ 9 milhões.

O projeto está sendo feito para atender os clientes industriais, que serão âncora, mas também vai permitir expansão para atender outros clientes que estiverem próximos à rede construída.

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, para o Governo de São Paulo é fundamental garantir a expansão da rede de distribuição de gás no Estado. “Para atrair investimentos privados, atender novos municípios e consumidores e ampliar a participação do gás natural na matriz energética do Estado, contribuindo para a redução de emissões e para o desenvolvimento socioeconômico sustentável”, afirmou nota oficial. Na região, o gás natural é distribuído apenas em Catanduva.

O atendimento a Rio Preto, assim como à Catanduva, foi projetado via construção de rede local. Em caso de possibilidade de posterior interligação ao gasoduto principal, a rede de distribuição construída para atendimento a Catanduva foi projetada e construída de forma a possibilitar expansão futura para interligação de Preto, explicou a GasBrasiliano.



Fonte: Diário da Região (SP), 10/09/2012
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar