acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Indústria Naval

Estaleiro Promar construirá navios gaseiros do Promef em Pernambuco

01/07/2010 | 12h51
O Estaleiro Promar, vencedor da licitação para a construção de 8 navios gaseiros do Promef (Programa de Modernização e Expansão da Frota), será instalado no Complexo Industrial e Portuário de Suape, em Ipojuca (PE). Devido à inviabilidade de prazo e terreno adequado, o projeto do estaleiro Promar Ceará não será mais realizado naquele estado e mudará de nome, passando a se chamar apenas Promar.


Os investidores do Promar indicaram à Transpetro, formalmente, no último dia 29, uma nova área de 80 hectares, próxima ao Estaleiro Atlântico Sul, na Ilha de Tatuoca. A documentação necessária (licença ambiental prévia e posse do terreno) foi devidamente apresentada e aprovada pela estatal. A Transpetro irá agora convocar o estaleiro para assinar o contrato de construção dos 8 navios gaseiros em tempo hábil, honrando os preços e os prazos acordados, sem prejuízo à continuidade do Promef.


Desta forma, o Promar cumpriu o prazo estipulado pela Transpetro (30 de junho) para a apresentação de uma alternativa viável ao projeto. Este prazo levou em conta o cronograma de construção e entrega dos navios do Promef e também a validade da proposta comercial do estaleiro, que expiraria no próximo dia 10 de julho. O Promar já havia comunicado à Transpetro que, devido à elevação de custos dos insumos da cadeia naval, não conseguiria manter os preços acordados junto a seus fornecedores após o dia 10.


Foram reunidos em um único lote todos os gaseiros que compõem o Promef, sendo quatro de 7.000 m³, dois de 12.000 m³ e dois de 4.000 m³. Conforme estabelecem as regras do programa, a construção destes navios será feita com um índice mínimo de nacionalização de 70% na compra de equipamentos e serviços.


A partir desta encomenda, de oito navios gaseiros, no valor de US$ 536 milhões, serão gerados mais de 10 mil empregos em Pernambuco. Destes, 2.700 serão criados de forma direta (1.200 para a edificação do estaleiro e outros 1.500 na construção dos navios). O Promar é o segundo estaleiro a ser criado a partir das encomendas da Transpetro. O primeiro, o Estaleiro Atlântico Sul (EAS), é hoje o maior do País e montará 22 navios para a estatal.


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar