acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Pré-Sal

Descobertas de grandes reservas de petróleo são necessárias para suprir a demanda prevista

27/10/2009 | 15h38

O consultor na área de novos negócios de Exploração e Produção da Petrobras, Daniel Pedroso, participou na noite desta segunda-feira (26/10), em Londrina (PR), de debate sobre o novo marco regulatório de exploração e produção de petróleo e gás natural no pré-sal apresentado pelo governo ao Congresso Nacional.

 

Ele destacou a importância do pré-sal no contexto geopolítico mundial. “Em qualquer cenário de crescimento da economia mundial serão necessárias descobertas de grandes volumes de petróleo para suprir a demanda prevista”, ressaltou.

 

Segundo Pedroso, o Brasil está em uma posição privilegiada em relação ao contexto mundial.  “O nosso país possui grandes reservas, alta tecnologia em petróleo, base industrial diversificada, grande mercado consumidor e estabilidade institucional e legal”.

 

Ele explicou os três regimes propostos pelo novo marco regulatório. “O de concessão vale para áreas já licitadas e áreas não estratégicas a licitar, o regime de partilha de produção será para o pré-sal e áreas estratégicas e a cessão onerosa é a cessão pela união do direito de explorar e produzir petróleo e gás natural em determinadas áreas do pré-sal, até o limite de cinco bilhões de barris de óleo equivalente, mediante pagamento pela Petrobras”.

 

Pedroso também falou sobre a criação do Fundo Social, cujos recursos serão destinados ao combate à pobreza, educação, cultura, sustentabilidade ambiental e ciência e tecnologia.

 

Também estiveram presentes ao debate o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, e o deputado federal André Vargas. O ministro defendeu o novo marco regulatório de exploração e produção de petróleo e gás natural no pré-sal. “O regime de partilha, a criação de uma empresa estatal e de um Fundo Social e a capitalização da Petrobras geram benefícios para todo o Brasil”, reforça.



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar