acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Siderúrgicas

China define limite mínimo para produção em 1 milhão de toneladas

13/07/2010 | 09h19
A China planeja eliminar as usinas siderúrgicas cuja produção em 2009 tenha ficado abaixo de 1 milhão de toneladas como parte de seus esforços para consolidar o fragmentado setor e remover unidades obsoletas, disse o Ministério da Indústria e da Tecnologia da Informação.


As regras publicadas no website do Ministério apresentam pela primeira vez o tamanho mínimo de uma siderúrgica, fixado pelo governo, indicando que Pequim está intensificando seus esforços para controlar a capacidade de produção da siderurgia e reduzir o crescimento das emissões de carbono. O limite mínimo de tamanho complementa a exigência de padrões para as instalações de produção, anunciados anteriormente.


O Ministério também pede que os fabricantes com produção menor do que 300 mil toneladas por ano de produtos siderúrgicos acabados se retirem do mercado. As 69 integrantes da Associação do Ferro e do Aço da China (Cisa, na sigla em inglês) não estão sujeitas a essa determinação, pois a produção de cada uma delas ultrapassa 1 milhão de toneladas anuais. As siderúrgicas que integram a Cisa responderam por cerca de 83% da produção total de aço do país nos primeiros cinco meses deste ano.


A nova regulamentação já está em vigor a partir desta terça-feira. Segundo os analistas, o impacto das regras vai depender de como elas serão colocadas em prática pelos governos locais, que devem ter uma certa tolerância, dada a importância das siderúrgicas para a arrecadação desses governos. As informações são da Dow Jones.


Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar