acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Braskem Idesa conclui financiamento para complexo petroquímico no México

20/12/2012 | 11h28

 

Braskem Idesa anuncia o sucesso da assinatura dos principais contratos de financiamento para um Project Finance de US$ 3,2 bilhões, que irá financiar a construção e operação do complexo petroquímico, que será o mais moderno das Américas. O financiamento foi estruturado por sete agências oficiais, incluindo duas agências de exportação (Canadá e Itália); duas agências multilaterais (IFC e BID); e três bancos de fomento (Brasil e México). Dez bancos comerciais fizeram o financiamento sob a garantia do SACE ou em empréstimos tipo BLoans da IFC e do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O Intesa Sanpaolo atuou como agente facilitador de US$ 600 milhões pelo SACE.
O Sumitomo Mitsui Banking Corporation atuou como assessor financeiro exclusivo da operação e o White & Case atuou como assessor jurídico internacional e mexicano para a Braskem Idesa.
Criada em 2010, a Braskem Idesa SAPI é uma joint venture formada pela brasileira Braskem S.A, maior produtora de resinas termoplásticas das Américas, e o Grupo Idesa, empresa líder no setor petroquímico do México. A empresa Braskem Idesa está desenvolvendo o projeto Etileno XXI, um complexo petroquímico para a produção de eteno e polietileno no estado de Veracruz, México (município de Nanchital). Esse projeto deverá exigir um investimento fixo de US$ 3,2 bilhões (CAPEX) e um investimento total de aproximadamente US$ 4,5 bilhões.
Uma vez operando em sua capacidade planejada, de 1 milhão de toneladas de polietileno de alta e baixa densidade por ano, estima-se que o complexo da Braskem Idesa seja um motor de crescimento econômico na região sudeste do México.
A preparação do terreno e a primeira fase de construção, que começaram em outubro de 2011, já foram concluídas. A segunda fase da construção começou em novembro, com os trabalhos de detalhamento de engenharia, aquisição de equipamentos e construção civil e eletromecânica, que serão concluídos no primeiro semestre de 2015.
Localizado em uma área estratégica, com alto potencial de novas reservas de óleo e gás, o Projeto Etileno XXI deverá ter um forte impacto sobre o balanço de pagamentos do México, que irá substituir aproximadamente US$ 1,5 bilhão a US$ 2 bilhões em importações de polietileno, utilizados em vários processos comerciais e industriais de transformação.

Braskem Idesa anuncia o sucesso da assinatura dos principais contratos de financiamento para um Project Finance de US$ 3,2 bilhões, que irá financiar a construção e operação do complexo petroquímico, que será o mais moderno das Américas. O financiamento foi estruturado por sete agências oficiais, incluindo duas agências de exportação (Canadá e Itália); duas agências multilaterais (IFC e BID); e três bancos de fomento (Brasil e México). Dez bancos comerciais fizeram o financiamento sob a garantia do SACE ou em empréstimos tipo BLoans da IFC e do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). O Intesa Sanpaolo atuou como agente facilitador de US$ 600 milhões pelo SACE.


O Sumitomo Mitsui Banking Corporation atuou como assessor financeiro exclusivo da operação e o White & Case atuou como assessor jurídico internacional e mexicano para a Braskem Idesa.


Criada em 2010, a Braskem Idesa SAPI é uma joint venture formada pela brasileira Braskem S.A, maior produtora de resinas termoplásticas das Américas, e o Grupo Idesa, empresa líder no setor petroquímico do México. A empresa Braskem Idesa está desenvolvendo o projeto Etileno XXI, um complexo petroquímico para a produção de eteno e polietileno no estado de Veracruz, México (município de Nanchital). Esse projeto deverá exigir um investimento fixo de US$ 3,2 bilhões (CAPEX) e um investimento total de aproximadamente US$ 4,5 bilhões.


Uma vez operando em sua capacidade planejada, de 1 milhão de toneladas de polietileno de alta e baixa densidade por ano, estima-se que o complexo da Braskem Idesa seja um motor de crescimento econômico na região sudeste do México.


A preparação do terreno e a primeira fase de construção, que começaram em outubro de 2011, já foram concluídas. A segunda fase da construção começou em novembro, com os trabalhos de detalhamento de engenharia, aquisição de equipamentos e construção civil e eletromecânica, que serão concluídos no primeiro semestre de 2015.


Localizado em uma área estratégica, com alto potencial de novas reservas de óleo e gás, o Projeto Etileno XXI deverá ter um forte impacto sobre o balanço de pagamentos do México, que irá substituir aproximadamente US$ 1,5 bilhão a US$ 2 bilhões em importações de polietileno, utilizados em vários processos comerciais e industriais de transformação.

 



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar