acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Parceria

Brasil e Rússia querem intensificar cooperação científica

13/10/2010 | 09h56
Brasil e Rússia assinaram na última sexta-feira (8) um memorando de cooperação na área de nanotecnologia para desenvolver pesquisas em conjunto e incentivar o intercâmbio entre cientistas e centros de pesquisa.


O acordo foi assinado durante a reunião da Comissão Intergovernamental Brasil-Rússia de Cooperação Econômica, Comercial, Política e Tecnológica. De acordo com o embaixador do Brasil na Rússia, Carlos Antonio da Rocha Paranhos, esse tema faz parte das prioridades dos dois países.

 
“Nossa ideia é poder colocar em contato empresas e cientistas dos dois países com o objetivo de desenvolver projetos concretos. Não de comprar caixas pretas, mas desenvolver projetos concretos bilaterais de interesse comum, seja aqui no Brasil ou na Rússia”, informou.


Durante a reunião da comissão foram discutidos temas nas áreas de economia, tecnologia, aeroespacial, energia nuclear, entre outros temas.


Paranhos disse ainda que foram discutidos vários projetos de cooperação, como uma linha área direta entre o Rio de Janeiro e Moscou, que deverá ser operada por uma empresa área russa, e a criação de um grupo de trabalho para examinar a possibilidade de se usar moedas dos dois países nas transações comerciais.


O embaixador afirmou também que os dois países querem diversificar o comércio, que hoje está muito centrado commodities, produtos considerados básico. Ele disse ainda que Rússia e Brasil querem incentivar os seus bancos a instalarem sucursais nos dois países, o que seria importante para o financiamento do comércio bilateral.

 

Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar