acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Petróleo e Gás

BDEP completa 14 anos

29/05/2014 | 12h35
BDEP completa 14 anos
Divulgação ANP Divulgação ANP

 

O Banco de Dados de Exploração e Produção (BDEP) da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) completa 14 anos hoje (29). O BDEP é responsável pelo armazenamento e gestão dos dados e informações das bacias sedimentares brasileiras. Armazena todos os dados de sísmica, poços e métodos não sísmicos (gravimetria, magnetometria, gamaespectrometria e eletromagnetismo), obtidos nas atividades de exploração e produção no país, incluindo os do antigo acervo da Petrobras, anteriores à criação da ANP.
E é por conta desse vasto acervo – de 4,5 petabytes (o equivalente a 1 milhão de DVDs) –, que o BDEP hoje é considerado um dos maiores bancos de dados governamentais centralizados do mundo.
Criado com o apoio do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), num acordo de cooperação com a ANP, o BDEP vem atuando para garantir acesso aos dados de forma fácil e eficiente pelos agentes da indústria petrolífera. Esse acesso é componente fundamental no processo de tomada de decisão e investimentos em exploração e produção de petróleo e gás.

O Banco de Dados de Exploração e Produção (BDEP) da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) completa 14 anos hoje (29). Com 4,5 petabytes (o equivalente a 1 milhão de DVDs), ele é considerado um dos maiores bancos de dados governamentais centralizados do mundo.

O BDEP é responsável pelo armazenamento e gestão dos dados e informações das bacias sedimentares brasileiras. Armazena todos os dados de sísmica, poços e métodos não sísmicos (gravimetria, magnetometria, gamaespectrometria e eletromagnetismo), obtidos nas atividades de exploração e produção no país, incluindo os do antigo acervo da Petrobras, anteriores à criação da ANP.

Criado com o apoio do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), num acordo de cooperação com a ANP, o BDEP vem atuando para garantir acesso aos dados de forma fácil e eficiente pelos agentes da indústria petrolífera. Esse acesso é componente fundamental no processo de tomada de decisão e investimentos em exploração e produção de petróleo e gás.



Fonte: Ascom ANP
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar