acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bacia de Santos

Australiana Karoon, da Austrália, acerta com Petrobras compra de 20% em 2 blocos

30/08/2010 | 15h44
A australiana Karoon anunciou hoje (30) a assinatura de acordo com a Petrobras para compra de 20% da participação em dois blocos localizados na Bacia de Santos (o BM-S-41/ S-M 1352, prospecto Maruja, e o BM-S-41/ S-M 1354, prospecto Quasi).

A Karoon possui cinco blocos em águas rasas na Bacia de santos, entre os campos de Caravella e Merluza, arrematados na Nona rodada de licitações da ANP, realizada em
2007, que correspondem a uma área de 850 km² (os blocos BM-s-61, BM-s-62, BM-s-68, BM-s-69 e BM-s-70). Os contratos foram assinados em março de 2008. A companhia tem 100% de participação nos blocos.

“Isso representa um aumento de atividade no Brasil e demonstra a aposta da Karoon no Brasil, dentro de uma estratégia de expansão e diversificação dos ativos da companhia”, avalia Juliano Macedo, da Karoon. “Embora com participação pequena e na mesma bacia, estamos abrindo novas áreas”.

Segundo Macedo, enquanto a perfuração já começou no prospecto Quasi, em Marujá o trabalho deve iniciar em setembro.

Maruja está localizado a 14 km de Tiro e Sidon, porção sul da Bacia de Santos, numa área de águas rasas, no pós-sal, a uma profundidade de aproximadamente 250 metros. O volume recuperável estimado das acumulações é de aproximadamente 150 milhões de barris de óleo equivalente. Os primeiros resultados das perfurações feitas no local indicam a presença de óleo de boa qualidade, de 34 graus API.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar