acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
PD&I

Acordos de cooperação para inovação com ABDI e Embrapii têm a assinatura da CNI, Senai e IEL

05/12/2016 | 16h02

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) firmou dois importantes acordos nesta sexta-feira (2), durante a reunião de líderes da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), em São Paulo. O primeiro se refere a uma parceria da CNI, do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) com a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

O objetivo é reunir esforços para estabelecer um marco de cooperação para colocar em prática trabalhos conjuntos que contribuam com objetivos estratégicos da MEI e da Embrapii. Entre as medidas prioritárias estão ações de integração na agenda de inovação e a realização de estudos, programas e imersões em pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I).

"Considerando a agenda estratégica da MEI, essas instituições executarão em 2017 diversas ações para aproximar o setor produtivo dos Institutos SENAI de Inovação e das unidades Embrapii. A ideia é reforçar essa conexão de modo a acelerar a inovação no país", destacou o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade. "Em 2016, realizamos um esforço para levar as empresas aos centros de conhecimento. Em 2017, levaremos nossos centros de conhecimento às empresas", acrescentou.

O presidente da Embrapii, Jorge Guimarães, ressaltou que, mesmo antes da assinatura da parceria, a entidade já vinha trabalhando em conjunto com o Sistema Indústria em prol da propagação da cultura da inovação nas empresas, inclusive tendo participado das imersões em ecossistemas de inovação que a CNI realizou no Brasil, nos Estados Unidos e na Alemanha. "Esta parceria vem coroar a participação da MEI na configuração desse novo instrumento de apoio para as empresas", disse Guimarães.

PARCERIA COM A ABDI - O segundo acordo firmado durante a reunião da MEI envolve o SENAI e a Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), com a meta de impulsionar a inovação mediante conexão entre as indústrias brasileiras e as startups de base tecnológica, além de micro e pequenas indústrias. A ideia, conforme o presidente da CNI, é promover ações para o desenvolvimento e a disseminação da cultura da inovação.

Caberá ao SENAI fornecer a infraestrutura para essa conexão, por meio dos institutos de inovação e tecnologia, e também com fomento previsto no edital de inovação. O presidente da ABDI, Luiz Augusto Ferreira, contou como o processo de parceria foi formulado para que tenha início já no começo de 2017.

"Focamos em três pontos. Um espaço de testes para o desenvolvimento de novos produtos e serviços para startups, oferecido pelo SENAI; o segundo é um ambiente de colaboração para que as startups possam interagir de maneira efetiva com a indústria; e o terceiro é um processo de interação qualificada entre a indústria e startups, algo que já vem acontecendo no mundo e o Brasil não está avançando como deveria", detalhou o presidente da ABDI.



Fonte: Redação/Agência CNI de Notícias
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar