acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Evento

Abeeólica e Canal Energia promovem fórum focado no leilão de eólica

15/10/2009 | 09h54
Com o intuito de privilegiar o debate, as contribuições e o esclarecimento de dúvidas relativas ao leilão de reserva exclusivo de eólica, previsto para 25 de novembro, a ABEEólica (Associação Brasileira de Energia Eólica), em parceria com o Canal Energia, realiza o II Fórum ABEEólica/Canal Energia, marcado para a próxima sexta-feira (16) no Rio de Janeiro, 40 dias antes do leilão.

 

Destacados profissionais e autoridades do setor de energia que atuam no governo federal e na iniciativa privada farão palestras e estarão disponíveis para debater com os participantes temas importantes do leilão, como as questões de formação de preço, regras de operação, tecnologias mais competitivas para os aerogeradores, importação ou não de equipamentos, financiamentos dos parques e tributação na tarifa de venda de eletricidade, dentre outros assuntos relevantes.

 

Entre as presenças confirmadas estão o presidente da EPE (Empresa de Pesquisa Energética), Maurício Tolmasquim; o diretor da ANEEL, José Guilherme Senna; o presidente da PSR, Mário Veiga; além dos superintendentes de infraestrutura do BNDES, Nelson Siffert, e financeiro do BNB, Fernando Passos.  

 

Também participarão com palestras diretores e gerentes de fabricantes de aerogeradores com atuação no setor eólico como Vestas, Siemens, Suzlon, Impsa, Alstom, GE Wind e Wobben WindPower.

 

“Nesse evento privilegiaremos, o espaço para as perguntas, que normalmente acaba prejudicado em outros eventos, em função de atrasos”, explica Lauro Fiuza Junior, cuja expectativa é de que os presentes tragam ao debate dúvidas e contribuições para discutir antes da regulamentação do leilão.

 

Dessa maneira, a ABEEólica espera deixar o mercado e seus associados totalmente preparados em relação às peculiaridades do leilão, já que será a primeira oportunidade real para que um grande número de investidores eólicos participe de uma concorrência como essa.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar