acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Zâmbia busca parceiro privado para refinaria de petróleo

24/02/2012 | 13h35
O ministro de Energia da Zâmbia, Christopher Yaluma, afirmou nesta sexta-feira (24), que o país está buscando um investimento de quase US$ 4 bilhões para a construção de uma nova refinaria de petróleo, para atender a crescente demanda.

A necessidade de uma nova refinaria é resultado de uma queda de 30% na capacidade da antiga refinaria Indeni Petroleum Refinery, que precisa ser fechada todos os anos para manutenção, além de estar sujeita a interrupções não planejadas. Essa unidade tem capacidade de 24 mil barris por dia.

A Zâmbia é a maior produtora de cobre da África, e as minas do país consomem cerca de 50% do petróleo refinado pela Indeni. "A construção de uma nova unidade para refinar todos os tipos de petróleo bruto na Zâmbia está sendo seriamente estudada e nós acreditamos que precisamos nos planejar para os próximos 20, 30 anos", comentou Yaluma.

O país já recebeu ofertas de companhias locais e estrangeiras para construir conjuntamente a nova refinaria, por meio de uma parceria público-privada. Além disso, também existem companhias interessadas em trabalhar junto com o governo para restaurar oleodutos existentes, ou construir novos oleodutos.

O ministro afirmou que o governo não tem planos de vender, pelo menos por enquanto, sua participação de 50% na refinaria Indeni, que foi comprada da francesa Total no ano passado.


Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar