acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Petroquímica

Vendas de fertilizantes no país têm alta de 7,3% até setembro

15/10/2014 | 09h55

 

As vendas de fertilizantes no país continuam a registrar aumento. No mês passado, as entregas dos produtos ao consumidor final totalizaram 3,914 milhões de toneladas, alta de 9,4% sobre setembro de 2013, informou nesta terça-feira a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda). 
Nos primeiros nove meses do ano, as vendas de adubos subiram 7,3% ante igual período de 2013, a 23,742 milhões de toneladas. 
Em nutrientes, as entregas de fertilizantes nitrogenados apresentaram evolução de 6,2% no acumulado do ano em função do aumento de demanda para as culturas do milho safrinha, algodão, café e trigo, diz a Anda.
Os fertilizantes fosfatados tiveram aumento de 3,0%, na mesma comparação, com ênfase para a cultura da soja. Nos fertilizantes potássicos, foi registrado crescimento de 9,1%, observando-se desde o início do ano aumentos tanto nas entregas dos produtos formulados como nas coberturas como elementos simples, sobretudo para o milho safrinha, algodão, trigo e soja.
O Estado de Mato Grosso mantém a liderança nas entregas ao longo do ano, com 4,749 milhões de toneladas. Em seguida, está o Paraná, com 3,148 milhões de toneladas;  Rio Grande do Sul, com 2,905 milhões de toneladas e, São Paulo, com 2,724 milhões de toneladas.
A produção nacional de fertilizantes registrou aumento de 4,5% em setembro, totalizando 824,264 mil toneladas. Já no acumulado do ano, a produção recuou 7,4% na comparação com janeiro a setembro do ano passado, para 6,515 milhões de toneladas.  
A importação de adubos no mês passado recuou 4,6% na comparação mensal, e somou 2,096 milhões de toneladas. Mas de janeiro a setembro, as compras desses produtos do exterior subiram 10,8%, para 17,962 milhões de toneladas. 
Pelo porto de Paranaguá, a principal porta de entrada dos fertilizantes importados pelo país, foram adquiridas do exterior 6,864 milhões de toneladas, 2,9 % superior ao período de janeiro a setembro de 2013. Paranaguá representou 38,2% do total importado por todos os portos, conforme a Anda.

As vendas de fertilizantes no país continuam a registrar aumento. No mês passado, as entregas dos produtos ao consumidor final totalizaram 3,914 milhões de toneladas, alta de 9,4% sobre setembro de 2013, informou nesta terça-feira a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda). 

Nos primeiros nove meses do ano, as vendas de adubos subiram 7,3% ante igual período de 2013, a 23,742 milhões de toneladas. 

Em nutrientes, as entregas de fertilizantes nitrogenados apresentaram evolução de 6,2% no acumulado do ano em função do aumento de demanda para as culturas do milho safrinha, algodão, café e trigo, diz a Anda.

Os fertilizantes fosfatados tiveram aumento de 3,0%, na mesma comparação, com ênfase para a cultura da soja.

Nos fertilizantes potássicos, foi registrado crescimento de 9,1%, observando-se desde o início do ano aumentos tanto nas entregas dos produtos formulados como nas coberturas como elementos simples, sobretudo para o milho safrinha, algodão, trigo e soja.

O Estado de Mato Grosso mantém a liderança nas entregas ao longo do ano, com 4,749 milhões de toneladas.

Em seguida, está o Paraná, com 3,148 milhões de toneladas;  Rio Grande do Sul, com 2,905 milhões de toneladas e, São Paulo, com 2,724 milhões de toneladas.

A produção nacional de fertilizantes registrou aumento de 4,5% em setembro, totalizando 824,264 mil toneladas.

Já no acumulado do ano, a produção recuou 7,4% na comparação com janeiro a setembro do ano passado, para 6,515 milhões de toneladas.  

A importação de adubos no mês passado recuou 4,6% na comparação mensal, e somou 2,096 milhões de toneladas.

Mas de janeiro a setembro, as compras desses produtos do exterior subiram 10,8%, para 17,962 milhões de toneladas. 

Pelo porto de Paranaguá, a principal porta de entrada dos fertilizantes importados pelo país, foram adquiridas do exterior 6,864 milhões de toneladas, 2,9 % superior ao período de janeiro a setembro de 2013.

Paranaguá representou 38,2% do total importado por todos os portos, conforme a Anda.

 



Fonte: Valor Online
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar